Apresentado como o primeiro híbrido crossover da marca sul-coreana, o Kia Niro pode avançar em breve para territórios ainda mais “verdes”, graças à introdução de uma nova versão 100% eléctrica, cuja tecnologia será importada do já anunciado Hyundai Ioniq eléctrico. A revelação terá sido feita, segundo a CarAdvice, pelo próprio CEO da Kia Motors Europe, Michael Cole, o qual, em declarações publicadas num artigo da holandesa AutoRai, terá assumido que o futuro Niro eléctrico aproveitará a tecnologia estreada no Ioniq.

Recorde-se que o Hyundai Ioniq versão eléctrica, cuja chegada ao mercado nacional está prevista para Maio (já o plug-in, deverá chegar e segundo apurou o Observador, em Julho), tem por base um motor eléctrico com uma potência declarada de 120 cv e um binário máximo de 295 Nm, ambos debitados apenas no eixo dianteiro, através de uma transmissão de velocidade única. Com a energia acumulada em baterias de iões de lítio com uma capacidade de 28 kWh, o mais recente eléctrico da Hyundai anuncia uma autonomia de 250 km, a par de uma velocidade máxima de 165 km/h.

Hyundai Ioniq

É expectável que o futuro Kia Niro eléctrico venha a apresentar números idênticos aos do Ioniq eléctrico, a par da mesma capacidade de carregamento rápido que permite repor até 80% da bateria em não mais que 30 minutos, quando realizada numa tomada de 50 kW. Por desvendar fica apenas a data de chegada desta nova variante do crossover da Kia, ainda que, nas suas declarações, Michael Cole tenha mencionado o ano de 2018.