Depois de Joel Parkinson, Frederico Morais vai agora defrontar no Rip Curl Pro Bells Beach, segunda etapa do Circuito Mundial de Surf de 2018, outro ex-campeão mundial, Gabriel Medina. E qualquer que seja o resultado naquela que será a quarta bateria dos quartos de final, há uma certeza: este resultado vai sempre, no mínimo, igualar o segundo melhor de sempre do português (alcançado precisamente em Bells Beach e em Trestles, ambos em 2017), apenas superado pela final com Filipe Toledo alcançada em Jeffreys Bay, na África do Sul.

Frederico Morais vence Joel Parkinson e apura-se para a quarta ronda em Bells Beach

Na quarta ronda, que se realizou esta madrugada em Portugal, Kikas terminou a terceira bateria da quarta ronda no segundo lugar com 11.16, atrás do havaiano Ezekiel Lau (12.57) mas à frente do americano Conner Coffin (11.10), num dos heats mais equilibrados desta fase da prova. Assim, o português vai defrontar agora o primeiro classificado da quarta e última bateria, que terminou o campeão mundial de 2014 na frente. Curiosamente, Frederico Morais encontrou Gabriel Medina em Bells Beach no ano passado, tendo ganho na terceira ronda da prova.

Os quartos de final ficaram organizados da seguinte forma: Michel Bourez-Patrick Gudauskas, Mick Fanning-Owen Wright, Ezekiel Lau-Ítalo Ferreira e Gabriel Medina-Frederico Morais.

De referir que, depois de ter caído para as repescagens com um terceiro e último lugar na nona bateria da primeira ronda (10.26, contra 11.63 de Kolohe Andino e 11.53 de Willian Cardoso), o surfista de Cascais foi superando várias etapas até entrar numa posição que lhe garante, no mínimo, um quinto lugar em Bells Beach (no ano passado, em que fazia a estreia no Circuito Mundial, ficou na quinta posição): venceu o sul-africano Michael February na segunda ronda (7.73-6.33), superou o australiano ex-campeão Joel Parkinson na terceira ronda (11.60-9.07) e alcançou agora a passagem aos quartos com o segundo lugar no terceiro heat da quarta ronda.

Os resultados finais da quarta ronda foram os seguintes:

Heat 1: Michel Bourez (15.77) x Owen Wright (12.00) x Wade Carmichael (10.60)

Heat 2: Mick Fanning (14.33) x Patrick Gudauskas (14.00) x Matt Wilkinson (13.17)

Heat 3: Ezekiel Lau (12.57) x Frederico Morais (11.16) x Conner Coffin (11.10)

Heat 4: Gabriel Medina (13.33) x Ítalo Ferreira (12.17) x Jeremy Flores (11.00)