Ferrari

Este é o melhor Ferrari do mundo. E vai a leilão

É sempre discutível qual é o melhor Ferrari do mundo, mas a verdade é que, em termos de modelos de competição, este 275P venceu por duas vezes as 24 Horas de Le Mans. Façanha que ninguém repetiu.

A um carro de competição não interessa ser lindo, agressivo, inovador ou até mesmo potente. O que vale mesmo é o número de sucessos ou títulos que alcança, domínio em que se a casa do Cavallino Rampante tem um palmarés invejável, apenas este 275P conseguiu vencer por duas vezes (e consecutivas) uma das mais importantes competições do mundo: as 24 Horas de Le Mans.

Ganhar uma ou duas vezes, neste caso, é muito mais do que uma questão de pormenor. Estão em causa milhões (muitos), uma vez que este 275P se prepara para ir a leilão, pela mão da RM Sotheby’s, ainda este mês em Pebble Beach. Ao apresentar-se ao mercado dos coleccionadores – em leilão privado, para evitar atenções indesejadas – como o único Ferrari de competição do mundo a ter vencido duas vezes uma prova deste calibre, o mais provável é que as bolsas e carteiras se abram a ponto de o remate final ser um valor astronómico.

O 275P (“P” de protótipo) é um Ferrari com motor central, mais precisamente um V12 atmosférico com 3,3 litros e 320 cv, que basicamente foi uma evolução do 250P, este com um 3.0V12 de 300 cv. A unidade que vai a leilão tem o chassi com o número 0816, a quem sempre foi atribuída a vitória nas 24 Horas de Le Mans de 1964, com Jean Guichet e Nino Vaccarella aos comandos. O que se desconhecia era se este 275P era o mesmo que tinha ganhado a mesma prova francesa no ano anterior.

Com a colaboração da Ferrari Classiche, conseguiu-se apurar que o 0816 foi o carro conduzido por Ludovico Scarfiotti e Lorenzo Bandini até à vitória de 1963 em Le Mans. A confusão foi originada pelo facto, descoberto agora pela Ferrai Classiche, de ser suposto que Scarfiotti e Bandini corressem nas 24 Horas de Le Mans, em 1963, ao volante do seu carro habitual, o 0814. Mas este sofreu um grande acidente em Nürburgring, cerca de um mês antes de Le Mans, e a Ferrari não achou boa ideia reconstruí-lo a tempo de estar à partida na prova francesa. Em vez disso, optou por substituí-lo pelo 0816, que acabaria por sagrar-se vencedor. Título que repetiria no ano seguinte, mas já com Guichet e Vaccarella ao volante.

O vitorioso 275P foi entretanto adquirido por Luigi Chinetti, e mais tarde por Pierre Bardinon. Agora prepara-se para conhecer um novo dono, que terá de pagar ainda mais para se tornar proprietário de tão famoso protótipo. Para sabermos quem será o orgulhoso comprador é necessário esperar pelo Pebble Beach Concours d’Elegance, que vai realizar-se esta semana, na Califórnia.

Pesquisa de carros novos

Filtre por marca, modelo, preço, potência e muitas outras caraterísticas, para encontrar o seu carro novo perfeito.

Pesquisa de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: alavrador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)