Andebol

O incrível golo de Carlos Ruesga que valeu a vitória do Sporting no último segundo de jogo

2.027

Carlos Ruesga assinou um golo inacreditável que valeu este sábado a segunda vitória do Sporting na Liga dos Campeões de andebol. Com um pormenor: o espanhol marcou no último segundo do jogo.

O espanhol de 33 anos está no Sporting desde 2016

É um daqueles momentos que todos os adeptos do Sporting que viajaram até à Rússia para ver a equipa de andebol defrontar o Chekhovskie Medvedi na segunda jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões provavelmente vão contar aos filhos, aos netos, aos bisnetos e guardar para sempre na memória. O espanhol Carlos Ruesga assinou um golo daqueles que se vê uma ou outra vez na vida – com o pormenor de que foi marcado no último segundo e valeu a vitória dos leões. Mas já lá vamos.

O Sporting vinha de uma vitória na primeira jornada da fase de grupos frente aos macedónios do HC Metalurg, no pavilhão João Rocha, no passado dia 15. A equipa orientada por Hugo Canela teve muitas dificuldades em impôr o seu jogo na Rússia e superiorizar-se ao Chekhovskie Medvedi durante os 60 minutos da partida, nunca conseguindo passar para a frente do marcador. Ao intervalo, o Sporting foi para o balneário a perder por 14-10.

A segunda parte trouxe um Sporting à procura de golos e Chekhovskie Medvedi que tentou sempre manter as distâncias e controlar o confortável resultado, sem arriscar demasiado e gerindo a vantagem. A 12 minutos do apito final, a equipa portuguesa perdia por 22-18 e a esperança já escasseava. Mas o 22.º golo foi o último que entrou na baliza leonina. Até ao final da partida, o Sporting empreendeu uma remontada sem sofrer mais golos e chegou ao último minuto do jogo com o resultado empatado. A vitória estava nas mãos de Carlos Ruesga e no destino de um livre de nove metros. A partir daí, o espanhol de 33 anos fez aquilo que melhor sabe e garantiu a vitória dos verde e brancos no último segundo de jogo.

O Sporting carimbou a segunda vitória em dois jogos na Liga dos Campeões e vai ainda defrontar o Besiktas da Turquia, o Bjerringbro/Silkeborg da Dinamarca e o Presov da Eslováquia no Grupo C da competição.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mfernandes@observador.pt
Educação

Mais vale acabar

João Pires da Cruz

Damos atenção aos direitos de todos menos aos daqueles que são mais preciosos, os nossos filhos. Gastamos dinheiro em tudo, menos no que é impossível substituir, o tempo das nossas crianças aprenderem

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)