Dez polícias espanhóis ficaram feridos, dois dos quais ainda estão hospitalizados, durante uma tentativa de fuga de migrantes, na sexta-feira, do centro de retenção de Madrid, disse este sábado o porta-voz da polícia.

“Dez polícias ficaram feridos, dois continuam internados no hospital e outros oito ligeiramente”, disse o porta-voz, acrescentando que o incidente provocou também ferimentos na cabeça de um funcionário do centro.

Os imigrantes provocaram um motim no Centro de Retenção de Estrangeiros de Madrid, usando extintores e bancos, na altura em que eram distribuídos medicamentos, pelas 21 horas (hora local).

O centro tem atualmente pelo menos 170 pessoas, das quais cerca de 70 de origem argelina.

A Espanha é uma das grandes portas de entrada de migrantes na União Europeia tendo recebido cerca de 47.500 mil pessoas desde o início do ano, segundo a Organização Internacional para as Migrações (OIM).