Governo

Governo assegura que área de eucalipto vai reduzir a nível nacional

Secretário de Estado Miguel Freitas reforçou que nos concelhos onde já há 25% ou mais de área de povoamentos florestais de eucalipto não há possibilidade de aumento, apenas de diminuição.

PAULO NOVAIS/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O secretário de Estado das Florestas assegurou esta quinta-feira, na Mealhada, que a área total de eucalipto no território nacional “é para diminuir e não para aumentar”.

A área total de eucalipto, a nível nacional, “é para diminuir e não para aumentar”, afirmou o secretário de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural, Miguel Freitas, que falava aos jornalistas na reabertura da Mata do Buçaco, após a conclusão da primeira fase das obras de recuperação dos estragos provocados pela tempestade tropical ‘Leslie’.

De acordo com Miguel Freitas, no âmbito da discussão pública do Plano Regional de Ordenamento Florestal do Centro Litoral, que está a ser ultimado, as comunidades intermunicipais apresentaram algumas preocupações com as metas do eucalipto para a região. Em declarações à Lusa, Miguel Freitas reforçou que nos concelhos onde já há 25% ou mais de área de povoamentos florestais de eucalipto não há possibilidade de aumento, apenas de diminuição.

Já nos concelhos com menos de 25% de área de eucalipto e que tenha vocação elevada para esta espécie, há a possibilidade de “aumentar em 10% da área que existe”, desde que não exceda o limiar de 25% da área florestal do concelho.

O membro do Governo salientou que os atuais planos regionais de ordenamento florestal têm em conta o inventário florestal nacional de 2010, sendo que no início de 2019 vai ser publicado o inventário de 2015, o que vai permitir a correção das metas de povoamentos de eucaliptos, visto que, “certamente, alguns municípios já terão mais área de eucalipto do que teriam em 2010”.

Miguel Freitas frisou ainda que, mesmo nos casos em que é possível aumentar a área de eucaliptal, tal está condicionado ao parecer dos próprios municípios e do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Eleições Europeias

Salve-se quem puder /premium

Rui Ramos
281

É este o governo que temos: não tem nada a dizer ao país, enquanto conjunto dos cidadãos, mas tudo para dizer aos lóbis e grupos de interesse que lhe parecem importantes para continuar a mandar. 

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)