A informação consta de um comunicado da Prisa enviado pela Media Capital à CMVM esta quinta-feira e confirma que os espanhóis estão a negociar com a Cofina a alienação do grupo que detém a TVI.

“A Prisa comunica que mantém negociações em regime de exclusividade com a Cofina em relação a uma potencial venda da participação acionista que a Prisa detém na sua filial cotada portuguesa Media Capital”, é possível ler na nota enviada.

A notícia surge um dia depois do grupo Cofina, que detém o Correio da Manhã, o Record, a Sábado e o Jornal de Negócios e explora também a CMTV, ter confirmado aos mercados o seu interesse.

Se o negócio avançar, e para passar na Autoridade da Concorrência que já levantou enormes obstáculos nas últimas negociações com a Altice, CMTV e TVI24 não podem coexistir. Ou haverá fusão com o desaparecimento de um dos canais, ou alguém compra a CMTV, um das hipóteses que tem sido considerada dentro do grupo.