Um homem de 54 anos foi detido em Alicante, Espanha, depois de ter assassinado a ex-mulher, noticiam os meios de comunicação espanhóis esta terça-feira. O agressor terá degolado a ex-companheira na presença da filha de 11 anos.

O assassino terá invadido a casa da vítima através da varanda, fazendo uso de uma escada. O crime ocorreu durante a madrugada, cerca das 4h30. Uma vizinha, que ouviu os gritos da mulher, alertou as autoridades. Quando os primeiros agentes da polícia chegaram ao local encontraram a vítima, de 44 anos, já sem vida, com um corte profundo no pescoço. O autor do homicídio, um cidadão de nacionalidade russa, foi detido minutos depois do crime pelas autoridades.

A mulher, também de nacionalidade russa, apresentara denúncia contra o homem a 1 de outubro e estava em vigor uma ordem de restrição que o homem ignorou.

Segundo o jornal El País, esta foi a terceira mulher morta por um companheiro ou ex-companheiro nos últimos três dias, em Espanha, elevando para 48 o total de mulheres vítimas de crimes levados a cabo por ex-parceiros desde o início do ano no país vizinho.

Em Portugal, morreram, este ano, 29 pessoas vítimas de violência doméstica, 23 mulheres e seis homens.