Um homem de 82 anos esteve desaparecido durante quase um dia e foi encontrado esta sexta-feira “bem” num local ermo de Mirandela, tornando-se no terceiro caso em oito dias no distrito de Bragança que as autoridades resolveram com sucesso. A informação foi avançada à Lusa pelo Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Bragança e pelas Relações Públicas do Comando Distrital de Bragança da GNR, que levaram a cabo as operações de busca e salvamento.

De acordo com aquelas entidades, o homem sofria de demência e foi encontrado no monte, num local ermo, e embora não apresentasse sinais de hipotermia, foi encaminhado para o Hospital de Mirandela para observação e por precaução.

Segundo adiantou à Lusa o CDOS, “nos últimos oito dias, este é o terceiro caso de desaparecidos no distrito de Bragança que foram resolvidos com sucesso”. Um outro caso aconteceu em Alfândega da Fé e foi procurado durante a noite, enquanto um outro desaparecimento em Freixo de Espada à Cinta durou apenas algumas horas.

A GNR recebeu por volta das 18h de quinta-feira o alerta de um familiar para o desaparecimento do homem de 82 anos, residente em Pereira, uma aldeia de Mirandela, de onde terá desaparecido por volta das 9h desse dia. O idoso terá sido visto pela última vez a conduzir uma viatura na Estrada Nacional 15 (EN15), na zona de Lamas de Orelhão.

As buscas envolveram a GNR e mais 11 elementos e cinco viaturas da Proteção Civil, prolongando-se por toda noite.

O homem foi encontrado perto das 8h desta sexta-feira fora da viatura, no meio do monte, “aparentemente bem e sem sinais de hipotermia”, apesar do frio que se faz sentir nesta época no Nordeste Transmontano.