A Associação Sindical dos Juízes Portugueses indicou que esta quarta-feira de manhã houve uma agressão a uma juíza e a uma Procuradora do Ministério Público no Tribunal de Família e Menores de Matosinhos.

As agressões “aconteceram no âmbito de uma audiência de regulação do poder parental” e, na sequência do incidente, uma mulher com cerca de 30 anos foi detida e conduzida às celas do tribunal de Matosinhos, indicou a mesma fonte.

A agressão ocorreu cerca das 11h horas. “A juíza teve ferimentos ligeiros na face, mas não houve necessidade de recorrer a ajuda hospitalar”, acrescentou o secretário da direção da Associação Sindical dos Juízes Portugueses, Maximiano Vale.

A mesma fonte, sem conseguir precisar motivo da discordância, disse que o pai do menor sobre o qual decorria a audiência “estaria presente na diligência”, sendo que a criança está cargo de avós.