Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Começou a despedir-se dos jogadores do Sp. Braga no início da semana. Fechou os últimos detalhes com o Sporting na terça-feira, assinou contrato no dia a seguir. Deu o primeiro treino na quinta-feira de manhã em Alcochete, foi apresentado umas horas depois em Alvalade, estreou-se oficialmente no domingo com um triunfo frente ao Desp. Aves (que a meio da primeira parte estava reduzido a nove jogadores) após três treinos. Nesse mesmo dia, e pela segunda vez num mês, cerca de três mil pessoas tinham feito uma manifestação perto do Multidesportivo contra Frederico Varandas – dessa vez sem qualquer incidente a registar, mas com a polícia a retirar uma tarja que dizia “Ditador”, Maria José Valério assobiada após elogiar o presidente do clube e mais pedidos de demissão.

Sporting esteve duas vezes em vantagem mas não foi além do empate em Guimarães (2-2)

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.