A rentabilidade de Kim Kardashian West no ramo da beleza já não suscitava grandes dúvidas. Agora é oficial. A socialite e empresária norte-americana tornou-se bilionária depois de a Coty, uma das maiores empresas de cosmética do mundo, ter comprado 20% da KKW Beauty por 200 milhões de dólares, cerca de 178 milhões de euros. Criada em junho de 2017, a marca de Kim fica assim avaliada em mil milhões de dólares, cerca de 900 milhões de euros.

A parceria com o gigante da cosmética permitirá a Kim Kardashian West, de 39 anos, aventurar-se muito para além da linha de maquilhagem que atualmente comercializa. Os cuidados para a pele e para o cabelo, bem como os produtos para unhas são algumas das apostas em cima da mesa, segundo noticiou a revista Harper’s Bazaar. Contudo, não há ainda previsão para a sua chegada ao mercado.

“Uma parceria com uma empresa sólida como a Coty vai ser fundamental para o crescimento das minhas marcas, já que o seu alcance global vai permitir uma expansão muito mais rápida”, indicou Kim num comunicado emitido na segunda-feira. O alcance da distribuição parece ser o grande trunfo do negócio. A socialite indicou ainda que a relação entre empresas permitirá que se concentre mais no processo criativo.

“A Coty será responsável pelo desenvolvimento do portefólio de produtos para a pele, cabelo e unhas, com o seu profundo conhecimento da indústria e experiência comercial”, referiu a empresa em comunicado.

Depois da despromoção da Forbes, o drama familiar. A história de Kylie Jenner, a ex-bilionária

Em janeiro, a mesma empresa fechou negócio com outro membro da família, mais precisamente com Kylie Jenner, meia-irmã de Kim. A aquisição de 51% da Kylie Cosmetics custou 600 milhões de dólares, cerca de 533 milhões de euros, deixando a marca avaliada em quase 1.200 milhões de dólares (cerca de 1.067 milhões de euros), 15% do valor agora atribuído à KKW Beauty. Já o título de bilionária, atribuído pela revista Forbes, acabou por ser retirado. Tanto este como a própria proposta da Coty poderão ter por base receitas inflacionadas.

A família Kardashian West soma e segue. Já este ano, também Kanye West recebeu o título de bilionário através da mesma publicação, depois de ter garantido a continuidade da sua parceria com a Adidas. A marca Yeezy conquistou, na última semana, um novo feito: um contrato com a Gap para uma parceria de longa duração. Ainda antes disso, Kanye já tinha demonstrado vontade de entrar também no mundo da cosmética.