O ex-líder do PS e ex-Presidente da República, Mário Soares, não vai participar na campanha do PS às europeias, mas está a ser usado na campanha eleitoral do Syriza, partido que pertence não à mesma família política europeia  do PS mas à do Bloco de Esquerda.

Este cartaz resulta do facto de, dia 26 de abril, Soares ter-se encontrado no Porto com o líder do Syriza, Alex Tsipras, que é também o candidato à Comissão Europeia do Partido da Esquerda Europeia. O partido grego aproveitou então uma das várias fotografias tiradas na Biblioteca Almeida Garrett para fazer dela um cartaz digital de campanha que está a ser distribuído nas redes sociais.

Nesse encontro, estiveram presentes o coordenador do BE, João Semedo, e a cabeça de lista do partido às europeias, Marisa Matias, mas na imagem com Soares a candidata não aparece e Semedo é desfocado.

Sob o lema “Mudança pela Europa”, o cartaz exibe a frase: “Para que a mudança aconteça precisamos de construir as mais amplas alianças sociais e políticas”.

Segundo o Público, Soares não gostou de ser convidado à última hora para a tradicional descida do Chiado, na baixa lisboeta, marcada para a tarde desta sexta-feira e recusou o convite.