“As Avenidas Periféricas” receberam o Grande Prémio de Romance da Academia Francesa. A ação da obra decorre numa aldeia junto de Fontainebleau, na altura da ocupação alemã, durante a II Guerra Mundial.

Patrick Modiano, de 69 anos, nasceu nos arredores de Paris e publicou o primeiro romance aos 23 anos. Uma década depois, recebeu o Prémio Goncourt, o prémio literário mais prestigiado de França, depois de já ter recebido, em 1972, o prémio da Academia Francesa.

Este ano, a Academia Sueca atribuiu-lhe o prémio Nobel da Literatura.

Também este mês, a editora D. Quixote reedita, de Modiano, “Domingos de Agosto”.

“A rua das lojas escuras” (Relógio d’Água), “Dora Bruder” e “No Café da Juventude Perdida” (Edições Asa) e “O Horizonte” (Porto Editora) são as outras obras de Modiano até agora editadas em Portugal.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A entrega dos prémios Nobel 2014 realizar-se-á a 10 de dezembro, em Estocolmo, na Suécia, e em Oslo, na Noruega (Nobel da Paz).