Um homem honesto e fiel. Passado cerca de um mês depois de ter terminado o namoro com o avançado português, Irina Shayk contou ao E!News o que pretende num potencial namorado durante a apresentação da edição especial da ‘Sports Illustrated’, numa festa realizada em Nova Iorque.

“O que quero num homem é… Acho que adoro homens honestos e um homem que seja fiel às mulheres”, disse numa entrevista relâmpago ao repórter daquela publicação. “Acho que isto é o mais importante num homem”, continuou a modelo russa que completou 29 anos no passado dia 6 de janeiro. A resposta levou alguns jornais a refletir sobre a lealdade de Cristiano Ronaldo no papel de namorado de longa data.

E porque o dia de São Valentim está a chegar, 14 de fevereiro, a ex-companheira de Ronaldo, com quem esteve numa relação de cinco anos, revelou também o que perfaz um encontro ideal: “Muita comida e uma garrafa dispendiosa de champanhe porque sou russa. Adoro uma garrafa dispendiosa de champanhe. Chocolate e um filme divertido. [Por exemplo], ontem vi [o filme] Pretty Woman: Uma mulher de sonho (…). Foi muito bom”.

Depois de um longa relação com Ronaldo, Irina confirmou o fim da união em meados de janeiro através do agente, o qual disse à Page Six do New York Post que a modelo sempre se deu bem com a família Aveiro e que os motivos da rutura não haviam passado por aí: “Ela foi próxima da família dele durante o relacionamento. Quaisquer rumores negativos que digam respeito à Irina e à família do Ronaldo são completamente falsos, e não foram um fator para a separação”. E acrescentou: “A Irina não tem mais comentários a fazer de momento”. Mais tarde seria a vez de o jogador português desejar “as melhores felicidades” à ex-namorada.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Leia também: