O festival norte-coreano “Arirang”, famoso pelas coreografias de mosaicos usados pelos populares, não vai realizar-se este ano pela segunda vez consecutiva, revelou hoje uma agência especializada em viagens ao país.

“Recebemos a confirmação do nosso sócio em Pyongyang que o Arirang não vai realizar-se este ano. O evento, que foi organizado pela última vez em 2013, foi cancelado por Pyongyang sem qualquer justificação”, anunciou o operador turístico Yong Pioneer Tours, com sede na China, na sua página na Internet.

Em 2015 tem lugar o 70.º aniversário do fim da ocupação japonesa da Coreia e da fundação do Partido dos Trabalhadores, pelo que se esperava a celebração.

A primeira edição do Arirang aconteceu em 2002 para comemorar os 90.º aniversário do nascimento do fundador da Coreia do Norte, Kim Il-sung, e desde 2007 até 2013 foi realizado sem interrupções.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Na última edição de 2013, o festival foi inscrito no Livro de Recordes do Guiness como o “maior festival de massas do mundo”.

O Arirang é famoso pelos seus mosaicos humanos coordenados na perfeição e tem lugar no maior estádio do mundo, o Reungrado 1 de Maio, na capital da Coreia do Norte, que pode acolher até 150.000 espetadores.