Norte

Festival rock, entrada gratuita com direito a campismo e praia fluvial do rio Maçãs ao lado. A receita vencedora é do Quintanilha Rock, festival que está a acontecer no Parque do Colado, em Bragança, até sábado. Entre as bandas nacionais contam-se os Octa Push, Los Waves, Pista, Eat Bear ou Killimanjaro, mas as internacionais também marcam presença, dos mexicanos Little Jesus aos globais Flamingods. O evento vai já na 15.ª edição e o bom ambiente também costuma ser presença habitual no cartaz.

Rodrigo Leão leva a sua música a Arcos de Valdevez, e com entrada gratuita. O compositor português apresenta-se às 22h00, ao ar livre no Jardim dos Centenários, um momento ao qual vale a pena assistir.

Quer surfar com Garrett McNamara? O surfista que desafia ondas gigantes vai estar em Matosinhos este sábado, a dirigir aulas experimentais de surf para crianças, entre as 10h00 e as 13h00. A primeira sessão será destinada a crianças institucionalizadas da Santa Casa da Misericórdia, oriundas de famílias carenciadas e disfuncionais. A segunda aula é aberta ao público e os interessados podem inscrever-se diretamente na praia.

18600621_770x433_acf_cropped

Matosinhos não tem estas ondas, mas vale a pena ir ver Garrett McNamara na mesma. ©Miguel A. Lopes / Lusa

Mas o verão não é só feito de surf e praia. Serralves organiza, este sábado, a visita sazonal de verão ao Parque para que 35 sortudos felizardos visitantes possam conhecer “os mais notáveis exemplos do conjunto arbóreo-arbustivo que o caracteriza e que nesta estação do ano se apresentam no apogeu do seu esplendor”, pode ler-se no site da Fundação situada no Porto. A visita tem o custo de quatro euros, começa às 15h30 e será guiada por João Almeida, responsável pelo Parque de Serralves.

Nas comemorações do 20.º aniversário da Companhia Olga Roriz, o Teatro Municipal do Porto recebe no sábado, às 21h30, o espetáculo “Propriedade Privada”. Estreada em 1996 em homenagem aos 100 Anos do Cinema, “Propriedade Privada” é, segundo a coreógrafa e bailarina, uma peça “politicamente incorreta, agressiva, violenta, holocáustica”. Os bilhetes custam 7,50 euros.

“A Pequena Lebre Castanha adora brincar no verão, quando há cores por toda a parte. Mas de que cor é que ela gosta mais?”. Se esta sinopse não lhe despertou o interesse, ainda bem. É que a iniciativa “Sábados a contar” foi feita a pensar nas crianças a partir dos três anos que gostam de ouvir histórias para a idade delas. O acesso é livre (embora seja necessária inscrição prévia) e a sessão começa às 15h30, na sempre agradável Biblioteca Municipal do Porto.

Centro

O Parque da Cidade, na Mealhada, vai estar em festa, a partir das 16h00 de sábado. Pensada para todas as idades, não vão faltar insufláveis, pinturas faciais e modelagem de balões, atividades com os Bombeiros Voluntários do concelho, uma aula de zumba, marchas populares, um concerto de Gonçalo Pato, samba, cinema ao ar livre e uma dupla de DJ’s para animar os mais resistentes que ficam para a noite. Todas as atividades são gratuitas.

A Figueira da Foz está à pinha e a culpa não é só da praia e do bom tempo. Este sábado e domingo, a Praia do Relógio recebe o RFM Somnii, evento que promete ser “o maior sunset de sempre”. Martin Solveig, Nicky Romero e Robin Schulz são algumas das principais atrações musicais, mas dentro do recinto há mais atrações para passar bem o dia. O bilhete diário custa 13 euros e o passe de dois dias 19,50 euros.

Lisboa , 12/06/2014 - Carnaval Torres Vedras nas Marchas de Lisboa ( Júlio Lobo Pimentel / Global Imagens )

Carnaval nesta altura? Não é engano: é Torres Vedras. ©Júlio Lobo Pimentel / Global Imagens

Este fim de semana há Carnaval em Torres Vedras. Não, não nos enganámos. A cidade famosa pelas festas épicas de Entrudo costuma organizar no verão um Carnaval intercalar, e o momento chega esta sexta-feira e sábado. Grupos de mascarados, zés pereiras, cabeçudos, escolas de samba, palcos de animação e fogo-de-artifício são alguns dos trunfos.

Sul

Boas notícias. No seu sexto ano ininterrupto, as Noites de Verão no Museu Nacional de Arte Contemporânea – Museu do Chiado regressam ao Jardim das Esculturas, na parte exterior do espaço. Sempre às sextas-feiras, às 19h30, há músicos selecionados pela promotora Filho Único, a começar já esta semana com Joe Morris, importante guitarrista de jazz e da música improvisada. É aproveitar.

Marco Paulo versão orquestra? Romana com nova roupagem? Um medley de Quim Barreiros? Bruno Nogueira e Manuela Azevedo têm um novo “Deixem o Pimba em Paz“, agora com a Orquestra Metropolitana por trás, que vale a pena ver ao vivo. Tudo acontece no Teatro S. Luiz, em Lisboa, sexta-feira e sábado às 21h00 e domingo às 17h30. A entrada custa entre oito e 15 euros, mas menores de 30 anos pagam cinco euros.

Ténis (ou sapatilhas) há muitos. Nomeadamente este sábado, das 11h00 às 20h00, na Taberna das Almas, em Lisboa, graças ao primeiro Sneakers Love Portugal – Trade Show, feira de ténis que reúne várias marcas e lojas do país. No piso de baixo vão estar representadas várias marcas de ténis em modo showroom: Adidas, Asics Tiger, Le Coq Sportif, Saucony, Gourmet, Clay, Vans e Asfvlt. No de cima ficarão várias lojas de diferentes pontos do país com algumas peças em saldos — Station, La La Land, Extreme, Gang of Four e Be Strong. A entrada é livre.

Lisboa, 24/06/2015 - Entrevista no Ateneu da Madre Deus, com as Pega Monstro, duo de rock formado pelas irmãs Júlia (bateria) e Maria (voz e guitarra) Reis que lançam o álbum Alfarroba. ( Filipe Amorim / Global Imagens )

As Pega Monstro, que é como quem diz Júlia (bateria) e Maria (voz e guitarra) Reis, estão de volta com novo álbum. ©Filipe Amorim / Global Imagens

À atenção da legião de fãs da Cafetra: as Pega Monstro têm um segundo álbum prontinho chamado Alfarroba para mostrar ao público e vão fazê-lo ao vivo, sábado, às 22h00, no Ateneu da Madre Deus, em Lisboa. Os bilhetes para ver as irmãs Júlia e Maria Reis em ação na guitarra e na bateria custam cinco euros. Mas a partir das 18h00 há petiscada e música ambiente ao vivo por Rabu Mazda & Van Ayres.

Depois de comprar uns ténis novos, corra para o festival Tascas no Cais. Até 19 de julho, das 12h às 00h (no último dia das 12h às 16h) vão estar instaladas algumas tascas nos Jardins Móveis do Passeio da Ribeira das Naus, junto ao Cais do Sodré, em Lisboa. Os restaurantes com presença confirmada são o Can the Can, a Cantina LX e a Taberna da Rua das Flores, prontos a servir os petiscos e as bebidas da moda, mas também sabores tradicionais.

Em maio de 2015, Natxo Checa e António Júlio Duarte realizaram uma residência de criação em Macau. Esta residência permitiu criar e produzir “Mercúrio“, exposição que inaugura sexta-feira à noite, na Galeria Zé dos Bois, no lisboeta Bairro Alto. A seguir há concerto gratuito de Caveira.

À falta de um parque aquático nas redondezas, há isto: no Parque Eduardo VII, em Lisboa, vai ser instalado o City Water Slide, ou seja, um escorrega com mais de 330 metros de comprimento, com duas pistas. São mais de 700 metros para deslizar, de preferência com uma boia (é possível levar de casa ou comprar no local). Bilhetes a partir dos cinco euros.

O Amar Summer Fest regressa à Praia de Faro, este sábado, com o desporto e a música lado a lado no cartaz. Para miúdos e graúdos, o dia começa cedo e prolonga-se até às 18h00 com atividades gratuitas. Bodyboard e surf (10h00) stand up paddle (14h00), canoagem (15h00) e zumba (18h00) são as modalidades que fazem parte do programa e para as quais é necessária inscrição através do email inscricao@amar.org.pt. A partir das 18h00 começa a festa musical (bilhetes a oito euros) primeiro com uma festa sunset e, a partir das 22h00, atuações ao vivo, que se prolongam até às quatro da manhã.