O Presidente eleito dos Estados Unidos da América, Donald Trump, aumentou a vitória que conseguiu nas eleições de novembro no estado do Wisconsin após uma recontagem de votos concluída na segunda-feira. A comissão eleitoral daquele estado disse que Trump conseguiu mais 844 votos do que os anteriormente apurados e a sua rival do Partido Democrata, Hillary Clinton, mais 713.

A recontagem no Wisconsin foi pedida pela candidata do Partido Verde, Jill Stein, que tinha conseguido 1% dos votos no Wisconsin nas eleições de 8 de novembro. Stein tentou forçar a recontagem em três estados – Michigan, Pensilvânia e Wisconsin -, alegando ataques informáticos às máquinas de voto.

A 8 de dezembro, um juiz federal suspendeu a recontagem no Michigan, por considerar que não tinha fundamento legal, selando assim a vitória do republicano Donald Trump neste estado. O mesmo aconteceu na Pensilvânia, onde Trump também ganhou.