Pelo menos 50 pessoas morreram no sudoeste da República Democrática do Congo em inundações provocadas pelas chuvas torrenciais que fizeram o rio Kalamu galgar as margens durante a madrugada de terça-feira, indicou fonte oficial à agência AFP.

“A chuva da noite de segunda para terça-feira em Boma causou pelo menos 50 mortos”, disse à agência AFP ao telefone Jacques Mbadu, governador da província de Kongo central (sudoeste), indicando que prosseguem as operações de buscas por mais corpos que possam eventualmente estar enterrados na lama.