240kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Manchester. Polícia faz novas detenções a suspeitos por ligações ao ataque

Este artigo tem mais de 3 anos

A investigação no âmbito do ataque terrorista na Manchester Arena continua. Esta segunda-feira, a polícia foi vista a deter mais três suspeitos. O número total de detidos sobe para 19.

i

A detenção ocorreu na Banff Road, na cidade de Rusholme, em Manchester

Jon Super/AFP/Getty Images

A detenção ocorreu na Banff Road, na cidade de Rusholme, em Manchester

Jon Super/AFP/Getty Images

Três homens foram detidos esta segunda-feira na Oxney Road, na cidade de Rusholme, a sul de Manchester. A informação foi avançada pelo Manchester EveningNews que confirma que as detenções estão relacionadas com o ataque terrorista na Manchester Arena da passada segunda-feira.

Anteriormente, a polícia já tinha confirmado que estava a executar um mandato numa morada em Rusholme, relacionado com o ataque na Manchester Arena. De acordo com relatos de vários utilizadores das redes sociais, a polícia bloqueou a rua onde estavam a decorrer as investigações.

Também esta segunda-feira, a BBC divulgou imagens aéreas que mostram aquilo que aparenta ser uma equipa a fazer buscas numa lixeira entre Heywood e Bury, em Manchester.

De acordo com o Manchester EveningNews, as autoridades estariam a procurar uma mala azul que pertencia ao autor do atentado. Esta segunda-feira, a polícia divulgou uma nova imagem de Abedi a transportar uma mala azul e pediu a quem tenha visto a mala que reporte a informação de imediato.

Apelo da polícia: viu o terrorista de Manchester com esta mala azul?

As notícias avançadas esta segunda-feira elevam para 19 o número total de detenções relacionadas com o ataque na Manchester Arena. Duas pessoas já foram, entretanto, libertadas.

Na passada segunda-feira, Salman Abedi fez-se explodir na Manchester Arena, provocado a morte de 22 pessoas e ferindo mais de uma centena. Desde então, as autoridades tem estado a fazer investigações em várias zonas do país.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.