Brexit

Brexit. Juncker quer começar a preparar textos legislativos sobre “divórcio”

O presidente da Comissão Europeia diz que "chegou a altura de traduzir os discursos em tratados" e "os compromissos em acordos", referindo-se à saída do Reino Unido da União Europeia.

STEPHANIE LECOCQ/EPA

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, defendeu esta terça-feira, em Estrasburgo, que se comecem a preparar os textos legislativos de modo a organizar a saída do Reino Unido do bloco europeu e as futuras relações entre ambos.

“Chegou a altura de traduzir os discursos em tratados, os compromissos em acordos, as vastas sugestões e desejos sobre a futura relação em soluções realizáveis”, disse Juncker, em mais um debate sobre o Brexit na sessão plenária do Parlamento Europeu (PE).

O líder do executivo comunitário pediu, a pouco mais de um ano da data escolhida pelo Reino Unido para a saída da UE — 29 de março de 2019 — “maior clareza” a Londres, nomeadamente sobre o modo de evitar o regresso de uma fronteira física entre a Irlanda e o território britânico da Irlanda do Norte (Ulster), sublinhando que está é “uma questão europeia”.

“Estamos prontos para trabalhar, mas temos de ter primeiro propostas concretas do Reino Unido”, salientou.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)