Doze pessoas, entre as quais quatro polícias, foram este sábado assistidas por inalação de fumo após um incêndio que deflagrou na madrugada de hoje num apartamento na Quinta do Loureiro, em Lisboa, segundo a PSP.

Os quatros elementos da Polícia de Segurança Pública foram assistidos no local, enquanto os restantes feridos, entre os quais quatro crianças de 16, 9 e 2 anos e duas idosas entre o 70 e 80 anos, foram transportados para o hospital.

As crianças foram para o Hospital de D. Estefânia e os adultos para S. José e S. Francisco Xavier.

Segundo os Sapadores de Bombeiros, que inicialmente referiram a existência de seis feridos, o alerta de incêndio foi feito às 06:30 tendo sido deslocados para o local sete viaturas e 22 operacionais.

O incêndio terá sido provocado por um aquecedor.