Obrigado por ser nosso assinante. Beneficie de uma navegação sem publicidade intrusiva.

O Governo vai avançar com um aumento do valor mínimo do subsídio de desemprego de cerca de 70 euros, para cerca de 505 euros, para quem desconta pelo salário mínimo nacional.

Esta medida consta de uma versão preliminar do Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) a que o Observador teve acesso e vem confirmar uma informação que há muito circulava nos corredores do Conselho de Ministros.

Com esta decisão, os socialistas aproximam-se das pretensões de Bloco de Esquerda e PCP, garantindo que o valor mínimo de subsídio de desemprego não é inferior ao limiar da pobreza, fixado em 502 euros.

Ainda assim, ficará aquém das exigências dos parceiros de esquerda. Bloco de Esquerda e PCP entendiam que o subsídio mínimo de desemprego devia ser equivalente ao salário mínimo nacional, mas o Governo acabou por fechar a porta a essa possibilidade.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR