O Governo nomeou esta quarta-feira o vereador da câmara de Lisboa José Sá Fernandes como coordenador do Grupo de Projeto para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que se realiza em 2023 em Lisboa, iniciando funções em 11 de outubro.

Além da organização do evento católico, o Grupo de Projeto “vai acompanhar e preparar a requalificação urbanística e a valorização ambiental e ecológica da zona ribeirinha onde atualmente se localiza o Complexo Logístico da Bobadela, cujos terrenos começarão a ser desocupados para efeitos da realização da JMJ 2023″, refere o gabinete do primeiro-ministro, António Costa numa nota à comunicação social.

Segundo a nota, esta quarta-feira foi feita uma visita ao edifício onde “previsivelmente vão estar sediadas as equipas e os voluntários que irão trabalhar na organização” do evento, que junta habitualmente milhares de jovens católicos de todo o mundo.

“As estrelas estão alinhadas”. Governo nomeia José Sá Fernandes para preparar Jornadas Mundiais da Juventude

O Grupo de Projeto da JMJ foi criado por resolução de Conselho de Ministros de 8 de abril.

José Sá Fernandes é atualmente vereador da Câmara Municipal de Lisboa com o pelouro do Ambiente, Clima e Energia, Estrutura Verde e Serviços Urbanos.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Em declarações em 09 de abril ao semanário Expresso, José Sá Fernandes disse que não vai concorrer em nenhuma lista para a Câmara de Lisboa nas próximas eleições autárquicas, que se realizam em 26 de setembro.