Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O Hospital CUF Descobertas no Parque das Nações, em Lisboa, já começou a retomar a normalidade e tem quase todas as áreas em funcionamento, depois de ter sido atingido por um incêndio ao final da manhã desta terça-feira. As chamas foram entretanto extintas e não há registo de vítimas, confirma ao Observador fonte oficial da CUF.

O alerta foi dado às 12h19 e o incêndio foi dado como extinto pelas 13h00. Um comunicado emitido pelo hospital detalha que o “foco de incêndio ficou totalmente circunscrito a duas salas no piso zero e a uma no piso -3”. O mesmo comunicado adianta que apenas a área da radioterapia ainda não está em funcionamento, sendo que este serviço vai reabrir amanhã.

A situação foi rapidamente controlada, tendo sido de imediato ativado o Plano de Emergência do Hospital”, detalha o comunicado a que o Observador teve acesso.

A origem do incêndio ainda está a ser apurada. No local, durante a manhã, estiveram cerca de 30 operacionais do Regimento de Sapadores Bombeiros, apoiados por uma dezena de viaturas.

Incêndio que deflagrou na CUF do Parque das Nações em fase de rescaldo

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Em declarações aos jornalistas, António Vinagre, comandante dos Bombeiros Sapadores de Lisboa, adiantou que algumas pessoas que trabalham nos pisos superiores tiveram de ser retiradas e que a situação foi normalizada. “Todas as pessoas dos pisos envolvidos foram retiradas em segurança ainda antes dos bombeiros chegarem”, afirmou.

Artigo atualizado às 15h15 com a informação oficial emitida pelo Hospital CUF Descobertas