Dark Mode 150kWh poupados com o Asset 1
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Maria de Fátima Bonifácio

Colunista

Artigos publicados

Eurogrupo

Centeno? Claro que sim!

1457
Centeno era – e é – um especialista em maquilhagem. É um economista ou financista para todas as estações. Socialismo? Vamos a isso! Neoliberalismo? Vamos a isso! Centeno não tem escrúpulos ideológicos
Autárquicas 2017

Tudo somado…

855
Fernando Medina foi apanhado em flagrante delito; revelou que era feito da mesmíssima massa do comum dos mortais quando confrontados com cifrões sedutores. Os lisboetas não se importaram nada com isso
Reino Unido

Teresa May aprisionada

May arvorou um ar forme como se nada se tivesse passado. Mas algo se passou: a expressão hard Brexit desapareceu da sua boca, substituída pela promessa de uma negociação proveitosa e amigável com a UE
Angola

Portugal enxovalhado

1384
A D. Isabel dos Santos é quem nos compra bancos. Os Manuéis Vicentes quem nos usa como lavandaria do seu dinheiro. E se a nossa Justiça se intromete nas suas vidas, Luanda fecha-nos a porta na cara.
Revolução

Ódio de classe!

10820
Mariana não sabe, não tem mundo para saber como são os verdadeiros ricos. Mas sabe uma coisa: “Não se pode ser rico inocentemente.” Todos roubaram, exploraram, ou são réus de qualquer crime semelhante
PSD

A “reinvenção” de Passos Coelho

434
Votei em Passos Coelho porque o achava talhado para padrinho de um casamento a meu ver feliz e necessário. Espero que ele não se reinvente. À sua volta, quase só vejo anões.
Obituário

Fátima Patriarca

109
Muita gente tem dificuldade em convencer os outros; a maior dificuldade da Fátima Patriarca era convencer-se a si mesma. O que é ilustração prática da ética do cientista, que ela cultivou sem falhas.
Orçamento do Estado

A “Geringonça Triple A”

543
O PCP não dispõe de ferramentas para entender o novo mundo globalizado em que se atreveu a meter o pé com esta experiência de colaboração condicional com um PS subordinado à lógica populista do Bloco.
Presidenciais 2016

O crime compensa!

942
Desta eleição resulta o risco de se consumar uma injustiça histórica e de se vulgarizar da ideia de que em política vale tudo e de que paira acima de tudo: do bem e do mal, da honra e da desonra.
Livros

Melancolia e arquitectura

240
Melancholy and Architecture, de Diogo Seixas Lopes, é um grande livro, de uma enorme elegância intelectual servida por uma escrita fluente em que não há sinónimos, apenas a palavra exacta.
António Costa

Morreu o PS. Viva o PS!

1288
O “costismo” significa o dobre a finados pelo PS fundado por Mário Soares e anuncia o nascimento dum novo partido pronto a vestir qualquer ideologia que lhe sirva de instrumento para se alçar ao poder
Governo

Tanta hipocrisia!

1414
O famoso “acordo” ainda está em laboratório. Quanto mais o tempo passa, mais Costa é obrigado a ceder. O PCP há-de espremê-lo até à última das concessões. Tremendismo?! A ver vamos.
Legislativas 2015

Costa no seu labirinto

5408
“Costistas” no PS são todos aqueles que se servem de António Costa para que usurpe o poder contra o eleitorado e lhes devolva a “importância”, os “lugares”, as prebendas e o acesso ao “spoils system”.
Legislativas 2015

Qual é a admiração?

1651
Costa não foi, não é, um líder desta cepa. Tem o cargo, mas não lidera. Ainda que ganhe as eleições, não liderará o País: irá ao sabor das ventanias, como até aqui. Continuará sem rumo certo e seguro.
Legislativas 2015

António Costa, de nim em nim

670
O leitor diário de jornais, já atónito, interroga-se: donde provirá tanta desorientação? Para onde levará Portugal um putativo primeiro-ministro tão errático?
Futuro da Grécia

O grande embuste

3033
É verdade que os gregos votaram pelo fim da austeridade, mas o Syrisa – se ganhar o referendo – irá impor-lhes não só os mesmos ou piores rigores, mas ainda uma revolução que nunca lhe foi encomendada
História

O apagão da direita em Portugal

1115
Continuamos com uma Constituição que consagra uma orientação governativa socialista. Em Portugal, em 2015, ainda só há licença para ser de esquerda. A história ajuda a perceber porquê.
Vasco Lourenço

Um estrondoso murro na mesa!

379
Apenas sobra a pergunta: quem estaria do lado de lá da mesa esmurrada por Vasco Lourenço? Cavaco Silva ou Passos Coelho, eleitos por sufrágio universal directo?
Futuro da Grécia

Acabou-se o “conto de crianças”

1232
O problema do Syrisa, e da dupla Tsipras/Varoufakis, é que a maioria dos que votaram neles não são revolucionários. Mais de 70% dos gregos pronunciaram-se repetidamente a favor da permanência no euro.
Manuel de Lucena

Saudades de Manuel de Lucena

No velho GIS e no ICS, manteve a postura de quem achava que o ócio, a conversa e a solidão eram condições para aprender a pensar e desenvolver um pensamento criativo, susceptível de elucidar o mundo.
A página está a demorar muito tempo.