439kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.

Crítica de Música

Jazz

Melhores da música jazz de 2020

O pianista Mário Laginha, o acordeonista João Barradas e o baterista Diogo Alexandre foram eleitos figuras da música jazz pela crítica nacional. "Atlântico" foi eleito o melhor álbum de 2020.
Crítica de Música

Danny Brown não pode, não sabe e não vai parar

Um dos rappers mais irreverentes voltou aos discos com os dentes arranjados e o cabelo cortado. Isso mudou. Mas em "uknowhatimsayin¿", Danny Brown continua a soar a Danny Brown. E ainda bem.
Crítica de Música

Ver Hollywood arder na intimidade

"Bandana" é o novo disco da dupla formada pelo rapper Freddie Gibbs e pelo produtor Madlib. Um desabafo melancólico anti-elites, contra aquela conversa do “és melhor do que isto, tu consegues”.
Crítica de Música

Tudo a dançar ou o "dancehall" de Burna Boy

"African Giant" é um dos discos do ano. É a Nigéria inteira dona de si, a querer dançar a desgraça dos seus governantes, a liberdade do seu povo. Uma bandeira que se funde com outras texturas sonoras.
Crítica de Música

J Balvin & Bad Bunny: disco-resort, tudo incluído

"Oasis", disco feito a meias entre os heróis latinos J Balvin e Bad Bunny, é puro "perreo", é um objeto que reúne todo esse abanar de anca, que nos atira violentamente contra uns 40 graus.
Crítica de Música

The Roots: uma aula de história e bom gosto

O pontapé de saída do EDP Cool Jazz no Hipódromo Manuel Possolo foi a masterclass de história do hip-hop por Questlove, Black Thought e restante companhia de The Roots.
Crítica de Música

A noite em que jogou Ed Sheeran em vez do Félix

O grande baladeiro destes dias pouco impressionáveis veio pôr a Luz a cantar em uníssono canções sem papoilas saltitantes. Este domingo, há mais. E apostamos que volta a ganhar de goleada.
Crítica de Música

O Terno: o segredo desta costura está nos arranjos

A banda de Tim Bernardes atravessou a tempestade de estar vivo, deparou-se com o vazio, e abocanhou a luz das grandes harmonias. O novo <atrás/além> é a obra-prima desta geração de bandas brasileiras.
Crítica de Música

A grande festa que é um concerto dos Metallica

O décimo terceiro concerto dos Metallica em Portugal foi mais uma oportunidade para ver o rolo compressor thrash metal que a banda de São Francisco continua e continuará a ser.
Crítica de Música

Dylan no Porto: pode alguém ser quem não é?

O concerto no Coliseu do Porto estava ganho à partida, mesmo que o Nobel escangalhe as canções e não nos queira a cantar com ele. Não houve "olá" nem "obrigado", houve boa música e um beijo no final.
Crítica de Música

Weyes Blood encontra-se com os nossos corações

Weyes Blood, ou Natalie Mering, criou dez canções de êxtase, euforia e picardia adulta num mundo adolescente. Foi tão fácil convencer-nos de que “Titanic Rising” é um dos discos do ano.
Crítica de Música

Stella Donnelly: é dela o protesto mais bonito

O primeiro álbum da australiana é ativismo melódico, é política indie-pop e devia ser escutado vezes sem conta por todos os homens. "Beware of the Dogs" é um disco feito de amor e política.
Crítica de Música

O melhor disco para sorrir, até para quem não quer

Estão a ver aqueles pequenos momentos que, vai-se a ver, de pequenos não têm nada? Ora bem, o novo disco de Helado Negro, um americano sonhador tão acústico como eletrónico, é a banda sonora perfeita.
Crítica de Música

A casa de Solange é das mais bonitas que já se viu

Versão complicada: o quarto disco da cantora e compositora de Houston é uma coesa colagem de ideias inventivas, um daqueles feitos que nunca são fáceis de conseguir. Versão simples: é um discaço.
Crítica de Música

Que bonita pode ser a desventura com Julia Jacklin

"Crushing” é o segundo álbum da australiana e é um ótimo exercício de observação das pequenas coisas e como elas tendem a agigantar-se. Fazer disto tudo canções com esta categoria é uma arte bonita.
Crítica de Música

Massive Attack: estas recordações não aconteceram

Os Massive Attack andam a revisitar “Mezzanine”. Não é para nos lembrar de quem éramos em 1998; é para gritar para onde estamos a ir em 2019.
Crítica de Música

Sharon Van Etten deu-nos a volta: sorte a nossa

Começamos a ouvir e não sabemos bem ao que vamos, mas ela sempre soube o que queria. E não é preciso muito para perceber que o novo "Remind Me Tomorrow" é um grande disco.
Crítica de Música

Os Idles vão salvar-nos: um estaladão de cada vez

Depois de terem tocado no Porto, a banda inglesa desceu até Lisboa. A noite de terça feira foi uma enorme lição de como o punk rock é redentor. Sem meiguices e sem tretas, não há espaço para isso.
Crítica de Música

Rosalía, a musa espanhola do flamenco 2.0

Uma jovem de 25 anos está a tomar o mundo de assalto e nunca nenhum músico espanhol se tinha aventurado assim. "El Mal Querer", o seu novo álbum, e só mais uma prova do imenso talento.
Crítica de Música

Vince Staples é o rei da farra

O regresso do rapper americano faz-se com "FM!" um terceiro disco que soa mais a EP do que outra coisa. Vinte e poucos minutos, numa espécie de emissão de rádio virtual, que vale bem a pena.
Crítica de Música

Hip hop, rotundas e religião: os Corona podem tudo

No seu álbum mais recente, "Santa Rita Lifestyle", a dupla nortenha continua a cantar as parolices que andam à nossa volta, sempre elevando a fasquia do seu hip-hop old school.
Crítica de Música

Feist no Coliseu: foi um prazer, Leslie, um prazer

As canções do último álbum, as dos discos anteriores e aquele charme de sempre. Feist esteve no Coliseu dos Recreios na noite de domingo e que bonito que foi.
Crítica de Música

O último sermão de São Ozzy

Lendário, louco, pai do heavy, a bizarra figura. Há muitas formas de ver Ozzy Osbourne e só uma de lhe dizer adeus: ter estado ontem, na Altice Arena. O metal está vivo; os metaleiros é que não tanto.
Crítica de Música

Isto pode estar tudo para acabar, cala-te e dança

Há a lei de Murphy e a lei de James Murphy; uma diz que vai correr tudo mal, a outra também, mas ao som de grande música. Os LCD Soundsystem voltaram e, como sempre, Lisboa dançou como nunca.
Crítica de Música

Elza Soares: mulher do fim do mundo, deusa punk

80 anos, um álbum novo e um regresso à felicidade e à resistência, cada vez mais política e punk, na companhia dos amigos paulistas que contextualizam o Brasil em 11 canções nervosas.
Crítica de Música

Você não vai gostar do álbum dos Arctic Monkeys?

Deixe-se disso, não vale a pena ficar assim. Sim, é verdade que parece um disco a solo de Alex Turner feito ao piano, mas isso é bom. Mesmo que pareça ironia.
Crítica de Música

Se o filme for tão bom como a música estamos bem

"Black Panther", filme sobre a personagem da Marvel, estreia-se esta semana. A banda sonora com curadoria e canções de Kendrick Lamar já está disponível. Vasco Mendonça diz que é coisa de super herói.
Crítica de Música

O meu nome é Colter. Quero ser o maior cowboy vivo

Um canadiano de 22 anos que respeita todos os clichés da escola folk-country da América do Norte. Parece coisa de concurso de talentos mas ouçam uma canção, nem que seja só uma.
Crítica de Música

U2: cuidado baby, a experiência pode dar preguiça

"Songs of Experience" é o novo álbum da banda irlandesa. Mas é só mais um álbum, nada muda depois de o ouvirmos e quando chegar a altura de os ver ao vivo, será sempre à espera do que já lá vai.
Crítica de Música

Björk: a transmutação de uma estrela pop

Dela espera-se tudo, sempre foi assim. Mas talvez não se esperasse que um novo disco da islandesa fosse como é este "Utopia". Isilda Sanches já o ouviu e explica porquê.
Crítica de Música

O que seria de nós sem "Automatic for the People"?

Em 1992 foi o álbum que em definitivo transformou os R.E.M. numa das bandas mais populares do mundo. 25 anos depois, uma edição especial explica que continua a ser tudo merecido.
Crítica de Música

Desculpa, Camané

Em "Camané - Canta Marceneiro", Camané canta bem. Escolhe bem as canções de um dos maiores do fado. Mas não é genial. Ao longo das 11 canções não há salero, é tudo monocórdico. Que pena.
Crítica de Música

Moonspell: todos os santos não chegaram

Em 25 anos, os Moonspell nunca tinham lançado um álbum escrito integralmente em portugês. Nem dedicado a um tema só. "1755" é por isso uma novidade em muitos aspetos, mas fica aquém das expectativas.
Crítica de Música

Kurt e Courtney dão-nos o outono que ansiávamos

Até hoje um exclusivo dos criativos e caóticos Cobain e Love, com o disco "Lotta Sea Lice" os nomes Kurt e Courtney agora também querem dizer calma. São 9 canções que aconchegam, mesmo se há angústia.
Crítica de Música

The National: as coisas já não são como eram

"Sleep Well Beast" faz-nos ter saudades da paixão que "Alligator" despertou. Muita coisa mudou mas os The National continuam a fazer boa música.
Crítica de Música

Alex Cameron: o charme da decadência

O músico australiano acaba de lançar "Forced Witness" e continua a contar histórias de personagens falhadas, patéticas e até desprezíveis – como somos todos um pouco, mas não gostamos nada de mostrar.
Crítica de Música

LCD Soundsystem: a segunda vida

James Murphy pediu em tempos um "murro na tromba" se decidisse voltar. Mas voltou mesmo, com "American Dream". Não vai salvar ninguém mas é perfeito para quem não acredita em profetas.
Crítica de Música

Everything Everything. Até nos sonhos há febre

O mundo é feio e as pessoas são más. Em "A Fever Dream" o quarteto britânico continua a dizer mal da vida, aos gritos. Se o usarmos como termómetro, podemos dizer que o mercúrio subiu.
Crítica de Música

QOTSA: nem bons, nem maus, estes vilões

Josh Homme admite, enfim, que gosta de dançar e foi buscar Mark Ronson para o novo disco dos Queens of the Stone Age. "Villains" é diferente de tudo o que eles já fizeram em 20 anos de existência.
Crítica de Música

The War on Drugs: assim vale a pena ser miserável

"A Deeper Understanding" é o novo disco de quem combina doses extremas de beleza melódica com o despudorado acesso aos pensamentos mais ingénuos que um ser humano é capaz de colocar a si mesmo.
A página está a demorar muito tempo.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.