566kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Morreu o fadista Vicente da Câmara

Este artigo tem mais de 5 anos

Com 65 anos de carreira, Vicente da Câmara era considerado um dos maiores expoentes do fado. Tinha 88 anos e morreu em Lisboa. Fica na memória a "Moda das Tranças Pretas".

i

Lusa

Lusa

Morreu o fadista Vicente da Câmara. Tinha 88 anos e 65 dedicados ao fado.

O velório do fadista realiza-se este sábado a partir das 16h, na Igreja da Graça, onde será celebrada missa, disse à agência Lusa o filho do fadista, José da Câmara. O funeral sai no domingo às 15h30 da Igreja da Graça em direção ao cemitério dos Prazeres, em Lisboa.

Entre outros prémios, Vicente da Câmara foi distinguido com o prémio “Amália Carreira”. O cantor e guitarrista começou a interessar-se por fado ainda em criança, quando ouvia os discos do tio-avô João do Carmo de Noronha. Apesar disso, foi só em 1948 — com 20 anos — que a carreira de Vicente da Câmara começou verdadeiramente, quando ganhou um concurso da Emissora Nacional.

Um dos seus maiores sucessos foi a “Moda das Tranças Pretas”, fado que escreveu no início dos anos 1960, já depois de ter gravado discos e outras canções icónicas como “Fado das Caldas”, “Varina” e “Os Teus Olhos”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Este artigo só pode ser lido por um utilizador registado com o mesmo endereço de email que recebeu esta oferta.
Para conseguir ler o artigo inicie sessão com o endereço de email correto.