Migrantes

Dez mortos e 90 desaparecidos em naufrágio na costa da Líbia

Um naufrágio na costa da Líbia fez pelo menos dez mortos e outras 90 pessoas estão ainda desaparecidas. A ONU acredita que oito das vítimas mortais são paquistanesas.

STRINGER/EPA

Pelo menos 10 migrantes morreram esta sexta-feira depois de o barco em que viajavam se ter virado na costa da Líbia, estando outras 90 pessoas desaparecidas, a maioria paquistaneses, disse a Organização Internacional para as Migrações (OIM).

A porta-voz da OIM, Olivia Headon, afirmou que os 10 corpos foram levados para perto da cidade líbia de Zuwara, na sequência da tragédia desta sexta-feira.

Acredita-se que oito dos mortos eram paquistaneses e dois líbios.

Olivia Headon, que falava aos jornalistas em Genebra a partir da capital da Tunísia, declarou que as indicações iniciais referiam que o barco, alegadamente de contrabandistas, começou a ficar desequilibrado antes de virar com os passageiros a bordo.

A porta-voz da OIM declarou ainda que os cidadãos paquistaneses estão, cada vez mais, a tentar atravessar o Mediterrâneo da Líbia para a Itália.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)