O papa Francisco vai receber o presidente russo, Vladimir Putin, no dia 4 de julho no Vaticano, foi anunciado esta quinta-feira, anunciou o porta-voz do Vaticano, Alessandro Gisotti.

O encontro irá acontecer um dia antes da reunião entre o Papa e os líderes católicos ucranianos, que irá acontecer também no Vaticano. O objetivo da reunião é dar apoio “na situação delicada na qual a Ucrânia se encontra”, avança a Associated Press.

Este será o terceiro encontro entre Vladimir Putin e o Papa Francisco. O primeiro foi a 25 de Novembro de 2013 e durou apenas 35 minutos. A segunda reunião foi em 2015, na Biblioteca do Palácio Apostólico. Durou 50 minutos.