Quatro pessoas morreram e outra ficou ferida numa grande explosão numa estação de tratamento de águas residuais em Avonmouth, perto de Bristol, em Inglaterra, revelou esta quinta-feira a polícia inglesa.

As vítimas mortais são três funcionários e um trabalhador externo, disse o inspetor-chefe Mark Runacres, da polícia de Avon e Somerset, numa conferência de imprensa no local. A gravidade dos ferimentos da quinta vítima não é conhecida, mas o responsável pela investigação ao acidente indicou que não corre perigo de vida.

Mark Runacres adiantou ainda que a explosão aconteceu num silo onde são armazenados sólidos orgânicos antes de serem tratados, pelo que o caso “não está a ser tratado como um incidente terrorista”.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, disse, através da rede social Twitter, estar “profundamente triste” com o sucedido e manifestou solidariedade com as famílias das vítimas.

Os bombeiros de Avonmouth foram chamados ao local às 11h22. Também pessoas que trabalham perto do local disseram ao The Guardian que ouviram uma grande explosão por volta das 11h20. O Serviço de Ambulâncias do Sudoeste confirmou, na altura, que este era um “incidente grave” e que enviou veículos.

O Centro de Reciclagem de Avonmouth disse, entretanto, que teve de encerrar “um local próximo” do porto.

Notícia atualizada às 18h18