O Contra-Corrente abre a participação aos ouvintes da Rádio Observador, das 10h10 às 11h00. Para dar a sua opinião e falar em direto com José Manuel Fernandes, basta inscrever-se ligando para o 910024185. Pode ouvir o programa em direto clicando aqui.

Joacine Katar Moreira recomendou ao governo uma “contextualização histórica crítica” das sete pinturas do Salão Nobre da Assembleia da República e que o executivo planifique a sua retirada para “um espaço museológico”. A deputada não inscrita considera que as obras “contribuem para a naturalização da subjugação dos povos” e para “omissão da exploração colonial”.

“Prolongamento da visão do Estado Novo.” Joacine recomenda retirar pinturas do Salão Nobre da Assembleia da República para um museu

No Canadá, Tintin, Astérix, Lucky Luke ou Pocahontas são algumas das personagens que desapareceram das estantes de algumas bibliotecas escolares. A decisão foi do Conselho Escolar Católico de Providence, que tem a seu cargo 30 escolas católicas no sudoeste de Ontário. Os livros não sairam apenas das estantes, muitos foram mesmo queimados, num ritual de “purificação pelas chamas”, como forma de reconciliação com os povos indígenas.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Escola canadiana queima livros considerados racistas numa cerimónia de “purificação pelas chamas”

Participe no Contra-Corrente ligando para o 910024185. Pode ouvir a Rádio Observador em fm, em 93.7 ou 98.7 na Grande Lisboa; em 98.4 no Grande Porto e Minho; e em 88.1 no distrito de Aveiro. O programa ficará disponível em podcast aqui.