Representantes dos talibãs e dos Estados Unidos da América (EUA) reuniram-se este domingo numa nova ronda de negociações de paz em Doha, no Qatar, a sétima de uma série de encontros iniciados no final de 2018.

A realização do encontro entre talibãs e o enviado de paz dos Estados Unidos, Zalmay Khalilzad, foi confirmada à agência noticiosa Associated Press. Numa visita a Cabul, na terça-feira, o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, tinha dito que espera um acordo de paz com os talibãs “antes de 01 de setembro”.

Em cima da mesa está a retirada de tropas norte-americanas do Afeganistão e a garantia, por parte dos talibãs, de que aquele país não voltará a acolher militantes para planeamento de ataques globais. A reunião negocial acontece no dia em que, pelo menos, 25 membros de milícias pró-governamentais foram mortos num ataque talibã no distrito de Nahrin, no norte do Afeganistão.