Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A Polícia de Segurança Pública (PSP) teve de intervir na sexta-feira na Ribeira do Porto para controlar os ânimos exaltados entre adeptos ingleses que se deslocaram à invicta para assistir à final da Liga dos Campeões.

Ao Observador, fonte oficial da PSP referiu que ao final da tarde e durante a da noite foi necessária a intervenção policial para travar “escaramuças” entre adeptos do Manchester City e do Chelsea. No entanto, não foram feitas quaisquer detenções nem há registo de pessoas identificadas ou feridas. Na noite anterior, tinham-se verificado incidentes semelhantes.

Final da Liga dos Campeões. Como a bolha de segurança de adeptos britânicos no Porto furou antes de encher

Por volta das 22h30, hora a que bares e restaurantes começaram a encerrar, os adeptos ingleses começaram a dispersar e não se registaram mais incidentes, referiu a mesma fonte da PSP. Até essa hora, no entanto, verificaram-se vários incidentes, com milhares de adeptos aglomerados, sem usarem a máscara e sem manterem o distanciamento físico.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A final da Liga dos Campeões está marcada para as 20h00, no Estádio do Dragão, e terá 16.500 adeptos nas bancadas. No entanto, chegaram também ao Porto milhares de adeptos ingleses sem bilhete, o que fez aumentar a preocupação quanto às medidas de segurança.

Nesse sentido, a PSP criou dois fan meeting points: um na Alfândega do porto, para os adeptos do Manchester City, e outro na Avenida dos Aliados, para os apoiantes do Chelsea.

Final da Liga dos Campeões no Porto. PSP diz-se “preparada”, mas não sabe quantos adeptos ingleses vieram

Para entrar nestes espaços, os adeptos serão revistados pelas autoridades e a entrada está dependente da apresentação de um teste negativo à Covid-19. Estes espaços terão capacidade para seis mil adeptos de cada equipa.

Durante este sábado, a segurança vai ser reforçado na cidade do Porto e haverá restrições nas estradas a partir das 15h30, de forma a facilitar a deslocação dos adeptos para o Estádio do Dragão.