A última superlua de 2021, também apelidada “lua morango”, foi vista nos céus de todo o planeta na madrugada desta sexta-feira.

Atenas, Budapeste, Cairo, Nova Iorque, Ancara foram algumas das cidades em que se viu a superlua, um fenómeno que ocorre quando a Lua se encontra simultaneamente em fase de lua cheia e a uma distância da Terra inferior a 110% do perigeu.

Ainda assim, esta superlua “não se aproxima registadas em abril e maio” em tamanho e aproximação à Terra, de acordo com declarações de Christine Shupla à CNN, diretora do Instituto Planetário.

Primeira super Lua do ano pode ser vista já esta terça-feira

A superlua de junho é normalmente apelidada ” lua morango”, mas não se deve uma tonalidade mais avermelhada. De acordo com a CNN, o nome foi atribuído pelas tribos indígenas norte-americanas, devido à colheita de morangos e outros frutos vermelhos que costuma ocorrer nesta altura do ano.