Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Com Zidane já praticamente fora da equação, o azimute do Manchester United virou-se para Mauricio Pochettino e para o início de um carrossel que podia levar o argentino para Old Trafford e o francês para o PSG. A relutância de Pochettino em abandonar imediatamente um projeto onde conta com Messi, Neymar e Mbappé e onde quer ser campeão francês e voltar a tentar conquistar a Liga dos Campeões, contudo, levou os ingleses a reformular o plano. Um plano que, atualmente, passa pela contratação de um treinador interino até ao final da temporada.

Assim, e de acordo com o The Guardian, o Manchester United está atualmente em conversações com Ernesto Valverde, treinador espanhol, para discutir o cargo de treinador interino até ao final da época — e até que seja contratada uma solução definitiva. O jornal inglês adianta que Valverde já falou com John Murtough, o diretor para o futebol dos red devils, e que o clube acredita que o treinador saberá como gerir Cristiano Ronaldo porque também geriu Lionel Messi no Barcelona.

“O Ole vai ser sempre uma lenda mas deixou papel de treinador”: United despede Solskjaer e Zidane é o sucessor desejado

Valverde, que até já terá indicado alguns alvos-chave para o mercado de inverno caso as negociações cheguem a bom porto, está sem clube desde que saiu do Barcelona logo no início de 2020, tendo sido substituído por Quique Setién. O espanhol de 57 anos ganhou dois Campeonatos, uma Taça do Rei e uma Supertaça com os blaugrana e antes já tinha orientado Athl. Bilbao, onde também conquistou uma Supertaça, Espanyol, com quem chegou a uma final da Taça UEFA, Olympiacos, onde foi tricampeão grego, e ainda Villarreal e Valencia.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O técnico é o favorito do Manchester United para esta posição interina mas o clube inglês terá uma shortlist de cinco nomes caso as conversações com Ernesto Valverde acabem por ruir — um lote onde Rúben Amorim, treinador do Sporting, também surgiu nos últimos dias na imprensa inglesa e onde também estão Laurent Blanc, Steve Bruce ou até Paulo Fonseca. No que toca à escolha definitiva, Mauricio Pochettino continua a ser o preferido da cúpula dos red devils mas Brendan Rodgers, atualmente no Leicester, é uma alternativa consistente e viável.

Este Ronaldo ainda é de se tirar o chapéu mas esta equipa precisa de mais para fugir da tempestade (a crónica do Villarreal-United)

De recordar que o Manchester United garantiu esta terça-feira o apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões com uma vitória em Espanha, frente ao Villarreal, com golos de Cristiano Ronaldo e Jadon Sancho. Na Premier League, o clube está já no oitavo lugar e a 12 pontos da liderança do Chelsea. Ole Gunnar Solskjaer foi despedido na manhã do passado domingo, na ressaca da goleada sofrida contra o Watford, e Michael Carrick está atualmente a assumir a posição de treinador interino.

Ronaldo tentou a bem mas há coisas que só se resolvem “a mal”: United é goleado pelo Watford e Solskjaer está prestes a cair