“Alerta do Banco de Portugal.” É assim que começa uma publicação alarmante de Facebook do passado dia 2 de novembro, sobre uma possível clonagem de cartões. “Na mesma loja nunca passem o cartão em duas máquinas diferentes com a desculpa de avaria no leitor de uma das máquinas. Estão a ser detetadas cópias de cartões multibanco a um ritmo assustador”, continua a mesma publicação.  A situação, preocupante no mínimo, estaria a ocorrer em “estações de serviço e bombas de gasolina”. Trata-se, no entanto, de uma publicação falsa.

Publicação divulga suposto alerta que nunca chegou a acontecer.

Olhando para a publicação em si mais nenhuma informação importante foi partilhada. Não existe nenhum link de uma notícia que confirme o sucedido nem nenhum comunicado do Banco de Portugal sobre este assunto.

O Observador foi tentar procurar um esclarecimento junto desta instituição, que referiu o seguinte: “O Banco de Portugal não emitiu o referido alerta. Eventuais alertas do BdP são sempre divulgados no seu sítio institucional.” E, de facto, olhando para as plataformas oficiais desta instituição, não se vislumbra nenhuma que faça referência a uma clonagem de cartões recentes a ocorrer em Portugal.

Por fim, é importante olhar para a última parte do texto desta publicação. “Desconfiem se o funcionário do estabelecimento comercial vos pedir para passarem o cartão por duas máquinas diferentes. A primeira é um gravador que lê a banda magnética e o respetivo PIN do vosso cartão. A segunda é que é de pagamento.”

Ora, olhando para notícias recentes, não existe nenhuma que divulgue esta suposta denúncia. Depois, o Banco de Portugal já partilhou alguns conselhos para uma correta (e preventiva) utilização de cartões bancários:

  • “Nunca perca o seu cartão de vista”;
  • “Certifique-se de que o aparelho tem um aspeto normal”;
  • “Confirme o valor antes de digitar o PIN”;
  • “Em caso de ser um pagamento contactless, não repita a operação se o visor não apresentar uma mensagem de que o pagamento foi anulado”;
  • “Dê preferência a essa tecnologia”;
  • “Exija sempre um comprovativo de pagamento”.

Conclusão

Não é verdade que o Banco de Portugal tenha emitido um alerta sobre uma suposta clonagem de cartões de multibanco em Portugal. Esta instituição financeira desmentiu este alerta ao Observador, assegurando que nunca foi emitido tal alerta num passado recente. Caso tivesse ocorrido, essa informação estaria inteiramente disponível nos sites do Banco de Portugal.

Assim, de acordo com o sistema de classificação do Observador, este conteúdo é:

ERRADO

No sistema de classificação do Facebook este conteúdo é:

FALSO: as principais alegações do conteúdo são factualmente imprecisas. Geralmente, esta opção corresponde às classificações “falso” ou “maioritariamente falso” nos sites de verificadores de factos.

NOTA: este conteúdo foi selecionado pelo Observador no âmbito de uma parceria de fact checking com o Facebook.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

IFCN Badge