624kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Alberto Gonçalves

Colunista

Artigos publicados

Politicamente Correto

A dra. Joacine sabe fazer muamba?

Além de linda, a ideia de atribuir uma geografia à raça e uma raça à geografia evoca períodos radiosos da História: cada um no seu lugar de acordo com as suas “características”, não é verdade?
Governo

O regular falecimento das instituições

A “oposição” insiste em exigir vigorosamente a demissão do professor Galamba. É o mesmo que confiscar um canivete a um gangue armado com bazucas.
Partido Chega

O sequestro de meio milhão de portugueses

Para a “direita” tradicional, o inimigo confesso ou dissimulado é o Chega, responsável por cerca de 0% das calamidades nacionais, e não o PS.
Governo

Em terra de cegos, surdos e mudos, o dr Costa é PM

Não devia ser preciso lembrar que os demais países sobem nas tabelas da especialidade à custa da nossa descida, e que é esquisito ver um governante orgulhar-se disso.
Assédio Sexual

Boaventura, o alegado professor

É chato perceber que um pedacinho pequenino dos meus impostos patrocina os ardores ideológicos do “intelectual” em causa, tão inadequados quanto os – alegados, desculpem – ardores sexuais.
TAP

O dr. Costa estará sempre vivo na nossa miséria

Daqui a trinta anos haverá de certeza quem olhe para o buraco a que descemos e se pergunte porque o cavaram tão fundo. A posteridade do dr. Costa durará as décadas que levaremos a tapar o buraco.
Crime

A beatificação do assassino Abdul Bashir

Caso o assassino fosse um português católico, o dr. Ventura nunca lhe dedicaria um discurso irado e as boas almas nunca se dariam à trabalheira de o absolver mediante sucessivos “contextos”.
Politicamente Correto

Os Cinco no Manicómio “Woke”

A tia Clara regressara com um pires de larvas desidratadas para David, dieta que adoptara dois dias antes em prol da sustentabilidade ecológica. "E então, menines? Viram a nova story da Greta?"
País

Um país sem comentários

Vale a pena comentar a falta de vergonha necessária para o PS erguer a ex-ministra da Saúde a putativa candidata a Lisboa? Não há razão para a senhora da DGS não ser um nome forte para Belém.
Politicamente Correto

Os analfabetos que sabem reescrever 

Com jeito, alguém descobrirá um dia que Platão não era vegetariano, que Goya não era feminista, que Benjamin Franklin desconfiava de vacinas, que Rodin não ligava às alterações climáticas.
Coronavírus

Três anos depois

Três anos depois, económica ou clinicamente, todos, “negacionistas” e iluminados, estão a pagar a factura. Os responsáveis, que não sofreram as restrições a que forçaram a ralé, não pagam nada.
PS

Este PS dá razão a Kissinger

Não é certo que perante uma catástrofe evidentemente suscitada pelo PS os nossos concidadãos desatem a concluir que a catástrofe se deve ao PS. O bom povo não é bom a interpretar evidências.
PS

Uma cerca sanitária em redor do PS

O PSD não sobe nas sondagens porque, desde a saída de Pedro Passos Coelho, abdicou do papel que lhe compete e não faz oposição compatível com a gravidade do momento.
Politicamente Correto

O futuro pertence à Estupidez Natural

O conformismo do ChatGPT dá nisto. Nada na traquitana justifica a designação “inteligência artificial”. Tudo tresanda a estupidez natural.
Presidente Marcelo

A doutrina Marcelo: quanto pior, melhor

À revelia do buraco escuro em que os portugueses se afundam, a única preocupação do prof. Marcelo é a “estabilidade”, leia-se a fobia dele a incómodos pessoais e ao desamor das massas.
Iniciativa Liberal

A doença infantil da IL

O contrário de desfilar em marchas ridículas não é ser conservador, fascista, racista, homofóbico, etc. É só alargar aos “costumes” a racionalidade que a IL trouxe à discussão da economia.
Governo

As grandes questões do nosso governo

Estou em condições de divulgar a Estrutura. A Estrutura sucedeu ao Mecanismo que por sua vez sucedeu ao Circuito. As 20 questões da Estrutura são o que realmente importa.
Politicamente Correto

O hino e o Dino

Dado o excesso de d’Santiagos e a falta de um Irving Berlin, podíamos jogar pelo seguro e inspirarmo-nos na Espanha. Mau vento e péssimo casamento, mas um hino impecável. Pelo menos a letra.
Governo

Este “governo” devia ser eterno

Depois de temporadas de sombras e angústia, comecei a saborear a prodigiosa rebaldaria a que diariamente assistimos. À semelhança daqueles filmes péssimos de que gostamos para efeitos de galhofa.
Governo

O respeitinho é muito feio

Uma burla com a dimensão da TAP não cabe numa democracia: ou há democracia ou há burla.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.