A investigação à evasão fiscal de várias figuras futebol, tornada pública pela plataforma Football Leaks, vai mesmo prosseguir, segundo avança o El Mundo. De acordo com o jornal espanhol, a autoridade tributária de Madrid expressou, em comunicado, a intenção de avançar com a investigação a figuras entre as quais consta Cristiano Ronaldo, Ricardo Carvalho ou José Mourinho.

Os dados foram revelados pelo site Football Leaks, sendo depois investigados e publicados por um consórcio de 12 jornais europeus (representados em Porugal pelo Expresso).

No entanto, a entidade tributária madrilena concorda com o pedido feito pelo juiz Arturo Zamarriego de proibir novas publicações sobre o caso. Recorde-se que o magistrado espanhol quer impedir a divulgação de mais dados sobre este caso, por considerar que as informações foram obtidas de forma ilegal por parte da Football Leaks. De acordo com o jornal espanhol a autoridade tributária de Madrid afirma que “não se devem publicar dados obtidos de forma ilícita”.