Índice

    Índice

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Texto publicado originalmente a 20 de março de 2018 e republicado a propósito da morte do fundador do CDS.)

“Isto que lhe vou dizer… Suponho que se for crime já prescreveu.” Segue-se um curto silêncio para aumentar o suspense do que vai revelar a seguir. Alfredo Barroso, sobrinho de Mário Soares, aceita o convite do Observador e recua 32 anos no tempo. O mesmo farão outras figuras conhecidas da política portuguesa.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.