Futebol

Guarda-redes checo Petr Cech troca Chelsea de Mourinho pelo Arsenal de Wenger

O Arsenal anunciou a contratação do guarda-redes checo Petr Cech, de 33 anos, que deixa o campeão inglês Chelsea, do português José Mourinho, após 11 anos, no qual cumpriu mais de 400 jogos.

Getty Images

O Arsenal anunciou a contratação do guarda-redes checo Petr Cech, de 33 anos, que deixa o campeão inglês Chelsea, do português José Mourinho, após 11 anos, no qual cumpriu mais de 400 jogos.

“Quando o treinador Arsène Wenger falou comigo sobre as suas ambições para este clube e como ele me via parte integrante desta equipa, a minha decisão foi clara”, reconheceu Petr Cech, em declarações proferidas ao sítio do Arsenal.

Petr Cech manifestou-se entusiasmado com o ingresso no Arsenal, não escondendo alguma ansiedade com o momento de se juntar à equipa na pré-temporada, e referiu que mantém o mesmo compromisso e motivação com o futebol do início da carreira.

“Cech é um jogador que eu admiro há algum tempo e estou muito contente que ele tenha decidido se juntar a nós. Provou ao longo de muitas épocas que é um dos grandes guarda-redes do mundo e vai acrescentar muita força à equipa”, referiu Arsène Wenger.

Petr Cech começou a sua carreira no Chmel Blsany, na República Checa, antes de se transferir para o Sparta de Praga. Após integrar os franceses do Rennes, em 2002, chegou ao Chelsea, em 2004, somando, desde então, títulos coletivos e individuais.

O guarda-redes checo assinou com o Arsenal um contrato de longa duração, por uma verba não divulgada.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Mar

Bruno Bobone: «do medo ao sucesso»

Gonçalo Magalhães Collaço

Não, Portugal não é uma «nação viciada no medo» - mas devia realmente ter «medo», muito «medo», do terrível condicionamento mental a que se encontra sujeito e que tudo vai devastadoramente degradando.

Política

A protecção da família em Portugal

Luiz Cabral de Moncada

A família, enquanto célula principal da sociedade e berço da moral, como bem se sabe na Calábria, está mais garantida do que nunca. Nunca será esquecida pelos partidos quando no poder político.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)