814kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

O Campeonato da Europa arranca já no próximo dia 14 de junho e termina um mês depois, a 14 de julho, com a final de Berlim
i

O Campeonato da Europa arranca já no próximo dia 14 de junho e termina um mês depois, a 14 de julho, com a final de Berlim

O Campeonato da Europa arranca já no próximo dia 14 de junho e termina um mês depois, a 14 de julho, com a final de Berlim

As certezas, as surpresas nas convocatórias e os nomes do futuro: os 10 jogadores a ter debaixo de olho no Euro-2024

Estão lá Mbappé, Bellingham e Modric, mas o Euro 2024 também se faz pelos jovens menos conhecidos que podem explodir este verão. De Itália à Ucrânia, passando pela Geórgia, estes são os 10 eleitos.

Não é difícil escolher aqueles que serão os principais nomes do Euro-2024. Entre Jude Bellingham e Kylian Mbappé, passando pelo veterano Luka Modric ou até pelos portugueses Bruno Fernandes e Bernardo Silva, são muitas as estrelas a preencher os verdadeiros candidatos à conquista do Campeonato da Europa.

Ainda assim, pelo meio, surgem as novidades do costume: os jogadores mais jovens e menos conhecidos que explodem no Europeu e ganham novas vidas, novas carreiras e novos saltos. Afinal, todos nos lembramos do checo Karel Poborsky em 1996 (neste caso pelas piores razões, marcando o golo que eliminou Portugal), do russo Andrey Arshavin em 2008 ou até do português Renato Sanches em 2016. E em 2024, com toda a certeza, vai surgir um novo Poborsky, um novo Arshavin e um novo Sanches.

Entre nomes muito experientes, como Illya Zabarnyi, nomes já certificados, como Lamine Yamal, ou nomes que podem ser autênticas surpresas, como Riccardo Calafiori, estes são os dez jogadores a ter debaixo de olho durante o Euro 2024 que arranca já no próximo dia 14 de junho. Com direito a três menções honrosas que podem superar a lista original.

Riccardo Calafiori (defesa italiano, 22 anos): 37 jogos, dois golos e cinco assistências pelo Bolonha em 2023/24

NurPhoto via Getty Images

Riccardo Calafiori (Itália)

  • Idade: 22 anos
  • Clube: Bolonha (Itália)
  • Internacionalizações: 1

Riccardo Calafiori parte para a Alemanha com a seleção que é campeã em título, mas poucas semanas depois da primeira internacionalização. Com experiência em praticamente todos os escalões jovens de Itália, incluindo os Sub-21, o central do Bolonha foi uma das novidades da lista de Luciano Spalletti e estreou-se com a camisola azzurri esta terça-feira e no particular contra a Turquia, onde foi suplente utilizado.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Aos 22 anos, Calafiori é um produto da formação da Roma e chegou a estar emprestado ao Génova antes de rumar à Suíça para representar o Basileia. Voltou a Itália no início da época para reforçar o Bolonha de Thiago Motta e foi um elemento fulcral da equipa que ficou no quinto lugar da Serie A e que conseguiu uma histórica qualificação para a Liga dos Campeões. Na retina ficou principalmente a recente exibição contra a Juventus, na penúltima jornada do Campeonato, onde marcou dois golos.

Arda Güler (médio ofensivo turco, 19 anos): 12 jogos e seis golos pelo Real Madrid em 2023/24

Anadolu via Getty Images

Arda Güler (Turquia)

  • Idade: 19 anos
  • Clube: Real Madrid (Espanha)
  • Internacionalizações: 6

Arda Güler já é uma estrela na Turquia, agora procura ser uma estrela na Europa. Com apenas 19 anos, o médio criativo é uma das principais promessas do futebol turco e chega ao Campeonato da Europa com o objetivo de ser um elemento crucial nas ambições da equipa orientada por Vincenzo Montella – que vai defrontar Portugal no Grupo F, em Dortmund, já no dia 22 de junho.

[Já saiu o quarto episódio de “Matar o Papa”, o novo podcast Plus do Observador que recua a 1982 para contar a história da tentativa de assassinato de João Paulo II em Fátima por um padre conservador espanhol. Ouça aqui o primeiro episódio, aqui o segundo episódio e aqui o terceiro episódio]

Formado no Gençlerbirliği, o jovem jogador impressionou nas duas últimas temporadas ao serviço do Fenerbahçe e acabou por saltar para o Real Madrid no início da época e a troco de 20 milhões de euros. Sofreu várias lesões que o afastaram das opções de Carlo Ancelotti nos primeiros meses e só conseguiu estrear-se em janeiro, conseguindo ainda marcar seis golos ao longo de 12 jogos até ao final da temporada.

Arthur Vermeeren (médio belga, 19 anos): 37 jogos, dois golos e seis assistências pelo Atl. Madrid em 2023/24

Corbis via Getty Images

Arthur Vermeeren (Bélgica)

  • Idade: 19 anos
  • Clube: Atl. Madrid (Espanha)
  • Internacionalizações: 3

Estreou-se pela Bélgica durante o apuramento para o Euro 2024 e é uma das múltiplas opções de qualidade de que Domenico Tedesco dispõe para o eixo defensivo – e que incluem Zeno Debast, central do Anderlecht que está muito perto de ser reforço do Sporting para a próxima temporada. Com apenas 19 anos, esteve no Europeu Sub-17 de 2022 e é também internacional Sub-21.

Formado no Antuérpia, onde conquistou Campeonato, Taça e Supertaça, fez uma época e meia muito consistente entre 2022 e 2023 e acabou por merecer a aposta do Atl. Madrid no passado mercado de inverno. Mudou-se para os colchoneros a troco de 18 milhões de euros mais cinco em cláusulas variáveis e ainda participou em cinco jogos da La Liga, partindo para a próxima temporada com a possibilidade de ser mais utilizado por Diego Simeone.

Warren Zaïre-Emery (médio francês, 18 anos): 43 jogos, três golos e sete assistências pelo PSG em 2024/24

DeFodi Images via Getty Images

Warren Zaïre-Emery (França)

  • Idade: 18 anos
  • Clube: PSG (França)
  • Internacionalizações: 2

Um dos nomes que já não é surpresa para ninguém. Com apenas 18 anos, Zaïre-Emery é internacional por praticamente todos os escalões jovens de França – conquistou até o Europeu Sub-17 em 2022 – e aposta recorrente de Luis Enrique no PSG. O jovem médio estreou-se pela seleção francesa durante a qualificação para o Euro 2024, contra Gibraltar e desde logo a marcar um golo, e tornou-se o mais novo a ser convocado pelos bleus desde 1914.

Deu os primeiros passos no Aubervilliers, mas aos oito anos já estava a mudar-se para a formação do PSG. Estreou-se pela equipa principal em agosto de 2022 e pela mão de Christophe Galtier, tornando-se o mais novo de sempre a representar os parisienses de forma oficial. Foi aposta regular nas últimas duas temporadas, mesmo com a chegada de Luis Enrique, e já conquistou Ligue 1, Taça de França e Supertaça.

Xavi Simons (médio neerlandês, 21 anos): 43 jogos, dez golos e 13 assistências pelo RB Leipzig em 2023/24

Sportsfile via Getty Images

Xavi Simons (Países Baixos)

  • Idade: 21 anos
  • Clube: RB Leipzig (Alemanha, emprestado pelo PSG)
  • Internacionalizações: 13

Uma das grandes esperanças do futebol dos Países Baixos. Aos 21 anos, já leva 13 internacionalizações e também foi convocado para o Mundial do Qatar, onde participou no encontro dos oitavos de final contra os EUA. Contudo, se a chamada de Louis van Gaal para o Campeonato do Mundo foi interpretada como uma surpresa, a convocatória de Ronald Koeman para o Euro-2024 já era praticamente um dado adquirido.

Tido como um wonderkid desde muito novo, Xavi Simons chegou a La Masia com apenas sete anos. Saiu do Barcelona em 2019, sem se estrear pela equipa principal e depois de não ter chegado a acordo para renovar, e foi resgatado pelo PSG. Foi pouco utilizado nos parisienses e regressou aos Países Baixos para representar o PSV, onde foi um dos elementos mais importantes da equipa de Ruud van Nistelrooy que conquistou Taça e Supertaça em 2022/23. Voltou ao PSG graças a uma cláusula de recompra que foi ativada, mas foi rapidamente emprestado ao RB Leipzig, onde voltou a estar em bom plano com 10 golos em 43 jogos.

Lamine Yamal (avançado espanhol, 16 anos): 50 jogos, sete golos e sete assistências pelo Barcelona em 2023/24

Getty Images

Lamine Yamal (Espanha)

  • Idade: 16 anos
  • Clube: Barcelona (Espanha)
  • Internacionalizações: 6

Tal como acontece com Warren Zaïre-Emery, Lamine Yamal já não é uma surpresa para ninguém. Com apenas 16 anos, o jovem avançado foi internacional pelas camadas jovens da seleção espanhola e estreou-se pela Roja durante a qualificação para o Euro 2024, tornando-se desde logo um nome recorrente nas convocatórias de Luis de la Fuente.

Criado e formado em La Masia, começou a treinar com a equipa principal pela mão de Xavi e estreou-se em abril de 2023, na La Liga, contra o Betis – num jogo onde entrou para substituir Gavi, outro produto da formação do Barcelona, e que foi suficiente para se sagrar campeão nacional. Entrou definitivamente nas opções ao longo desta temporada, tendo marcado sete golos em 50 jogos em todas as competições, e é tido como o futuro dos catalães.

Illya Zabarnyi (defesa ucraniano, 21 anos): 42 jogos e um golo pelo Bournemouth em 2023/24

DeFodi Images via Getty Images

Illya Zabarnyi (Ucrânia)

  • Idade: 21 anos
  • Clube: Bournemouth (Inglaterra)
  • Internacionalizações: 35

O mais experiente da lista. Apesar de ter apenas 21 anos, Illya Zabarnyi já leva 35 internacionalizações pela Ucrânia e também esteve no Euro-2020, tendo participado em todos os cinco jogos que os ucranianos disputaram na competição antes de serem eliminados nos quartos de final. É um dos titulares quase indiscutíveis para Serhiy Rebrov e dificilmente vai sair do onze inicial.

Natural da capital da Ucrânia, o central cumpriu a formação precisamente no Dínamo Kiev e estreou-se pela equipa principal em setembro de 2019 – procedendo a conquistar Campeonato, Taça e Supertaça nos dois anos seguintes. Em janeiro de 2023, as boas exibições pelos ucranianos e pela seleção garantiram-lhe o salto para a Premier League e para o Bournemouth, onde se tornou uma peça-chave da equipa de Andoni Iraola que ficou a meio da tabela em Inglaterra, tendo sido até eleito o Jogador do Ano pelo clube.

Khvicha Kvaratskhelia (avançado georgiano, 23 anos): 45 jogos, 11 golos e sete assistências pelo Nápoles em 2023/24

Getty Images

Khvicha Kvaratskhelia (Geórgia)

  • Idade: 23 anos
  • Clube: Nápoles (Itália)
  • Internacionalizações: 29

À semelhança do que acontece com Zaïre-Emery e Yamal, Kvaratskhelia surge já mais como certeza do que como promessa. Ainda assim, o avançado vai disputar a primeira grande competição de seleções da carreira e estrear-se ao mais alto nível pela Geórgia – cruzando-se com Portugal no grupo F, em Gelsenkirchen, no próximo dia 22 de junho. É internacional desde junho de 2019, estreando-se na qualificação para o Euro-2020, e foi crucial para o histórico primeiro apuramento dos georgianos para uma fase final.

Natural da capital da Geórgia, Kvaratskhelia deu os primeiros passos precisamente no Dínamo Tbilisi, passando depois pelo Rustavi antes de deixar a Geórgia para rumar ao Lokomotiv Moscovo. Na Rússia, ainda representou o Rubin Kazan antes de voltar ao país de origem para reforçar o Dínamo Batumi, merecendo a aposta do Nápoles no verão de 2022. A par de Victor Osimhen, foi um dos elementos mais importantes na conquista do Scudetto na época passada, sendo que a imprensa especializada garante que tem tudo acertado para se mudar para o PSG na próxima temporada.

Benjamin Sesko (avançado esloveno, 21 anos): 42 jogos, 18 golos e duas assistências pelo RB Leipzig em 2023/24

UEFA via Getty Images

Benjamin Sesko (Eslovénia)

  • Idade: 21 anos
  • Clube: RB Leipzig (Alemanha)
  • Internacionalizações: 28

Uma das revelações da temporada. Com apenas 21 anos, o avançado já leva 28 internacionalizações e estreou-se em junho de 2021 – na altura, com 18 anos, tornou-se o mais novo de sempre a fazer o primeiro jogo pela Eslovénia e também o mais novo de sempre a marcar pelos eslovenos. No último ano, foi um elemento crucial na equipa de Matjaž Kek que conseguiu regressar ao Campeonato da Europa ao fim de 24 anos, já que a última participação tinha sido no Euro 2000 e com Zlatko Zahovič.

Šeško passou por vários clubes da Eslovénia durante a formação até que, aos 16 anos, entrou no universo da Red Bull e assinou pelo RB Salzburgo. Foi rapidamente emprestado aos também austríacos do FC Liefering e voltou para alcançar a titularidade, marcando 29 golos em duas temporadas e sendo instrumental na conquista da Bundesliga da Áustria nos mesmos dois anos. No verão passado, na repetição de um filme habitual, trocou o RB Salzburgo pelo RB Leipzig e manteve as boas exibições, terminando a época com 18 golos em 42 jogos em todas as competições. Segundo a imprensa especializada, está no radar do Arsenal, do Chelsea e do Manchester United no próximo mercado.

Cole Palmer (avançado inglês, 22 anos): 48 jogos, 27 golos e 15 assistências pelo Chelsea (e Manchester City) em 2023/24

Getty Images

Cole Palmer (Inglaterra)

  • Idade: 22 anos
  • Clube: Chelsea (Inglaterra)
  • Internacionalizações: 3

Dentro de uma seleção que volta a correr atrás do sonho de conquistar o Europeu, com o talento de Jude Bellingham como porta-estandarte dessa ambição, Cole Palmer é um dos jogadores que surge na competição em melhor momento de forma. O jovem inglês estreou-se durante a qualificação e entrou na convocatória de Gareth Southgate sem espaço para grandes surpresas e com a ideia bastante assegurada de que vai ter minutos.

Aos 22 anos, o avançado é um produto da formação do Manchester City e chegou a ser aposta de Pep Guardiola na época passada, tendo marcado um golo em 25 jogos em todas as competições. No verão, porém, decidiu fugir à certeza da escassez de utilização e mudou-se para o Chelsea – onde acabou por ser o ponto de equilíbrio num clube em ebulição, com 25 golos em 45 jogos e o estatuto assumido de melhor jogador dos blues durante a temporada e uma das melhores individualidades do ano na Premier League.

Menção honrosa

O top 10 de jogadores a acompanhar durante o Euro 2024 não tinha espaço para todos os nomes que despertam a curiosidade dos mais atentos, pelo que optámos por não repetir nacionalidades e escolher dez apostas de dez países diferentes. Ainda assim, não é possível escapar a três menções honrosas que também estarão no Campeonato da Europa e também merecem atenção redobrada: Kenan Yıldız, avançado de 19 anos da Juventus que vai defrontar Portugal ao serviço da Turquia, Kobbie Mainoo, médio de 19 anos do Manchester United que joga por Inglaterra e ainda Florian Wirtz, avançado de 21 anos que vai tentar manter na Alemanha o sucesso alcançado ao longo da época com o Bayer Leverkusen.

 
Assine o Observador a partir de 0,18€/ dia

Não é só para chegar ao fim deste artigo:

  • Leitura sem limites, em qualquer dispositivo
  • Menos publicidade
  • Desconto na Academia Observador
  • Desconto na revista best-of
  • Newsletter exclusiva
  • Conversas com jornalistas exclusivas
  • Oferta de artigos
  • Participação nos comentários

Apoie agora o jornalismo independente

Ver planos

Oferta limitada

Apoio ao cliente | Já é assinante? Faça logout e inicie sessão na conta com a qual tem uma assinatura

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.

Vivemos tempos interessantes e importantes

Se 1% dos nossos leitores assinasse o Observador, conseguiríamos aumentar ainda mais o nosso investimento no escrutínio dos poderes públicos e na capacidade de explicarmos todas as crises – as nacionais e as internacionais. Hoje como nunca é essencial apoiar o jornalismo independente para estar bem informado. Torne-se assinante a partir de 0,18€/ dia.

Ver planos