Mais de 320 operacionais combatiam às 16h30 cinco incêndios em Portugal Continental, quatro dos quais no distrito da Guarda e o quinto no distrito de Vila Real, segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil. No concelho de Almeida, Guarda, as chamas que deflagraram às 12:42 numa zona de floresta estão a ser combatidas por 93 operacionais. No fogo, com uma frente ativa, estão ainda 25 veículos e dois aviões bombardeiros.

Na localidade de Teixeira, concelho de Seia, também no distrito da Guarda, um incêndio com três frentes ativas que lavra numa zona de mato desde as 13h01 está a ser combatido por 60 homens, ajudados por 17 veículos, um helicóptero e dois aviões bombardeiros.

Cinquenta e sete operacionais lutam contra as chamas que deflagraram às 12h47 na localidade de Alvoco da Serra, também no concelho de Seia, apoiados por 15 veículos e dois helicópteros. Em declarações à Lusa, o vereador da Câmara Municipal de Seia com o pelouro do Ambiente, Luciano Ribeiro, disse que os dois incêndios que lavram na área da Serra da Estrela não estão a ameaçar habitações.

Segundo o autarca, os incêndios “estão afastados um do outro, progredindo o de Teixeira em direção a Vide e o de Alvoco da Serra em direção a Outeiro da Vinha”. As chamas progridem em encostas e no cimo de um monte, “numa zona que tem sido intervencionada” pela autarquia, comissões de baldios e Juntas de Freguesia em termos de abertura de aceiros para a defesa da floresta, observou.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“Vamos ver se o trabalho de prevenção resulta”, disse o autarca indicando que o acidentado do terreno, o vento e o muito calor que se fazem sentir na zona, estão a dificultar o trabalho dos meios de combate que estão no terreno.

Ainda no distrito da Guarda, um outro fogo deflagrou às 14h17 no concelho de Figueira de Castelo Rodrigo, estando a ser combatido por 66 operacionais, 15 veículos e dois helicópteros. Um quinto incêndio lavra no concelho de Vila Real desde as 14:25. O fogo já foi dado como dominado e está a ser combatido por 63 operacionais, 13 veículos, dois helicópteros e dois aviões bombardeiros.