Rádio Observador

Futebol

Emiliano Sala. Dois detidos na sequência de fotografias do corpo do jogador na morgue divulgadas na internet

As imagens do corpo do jogador foram publicadas no Twitter e apagadas pouco depois. Já foram detidas duas pessoas, na semana em que o pai do jogador morreu devido a um enfarte.

O avançado argentino morreu quando o avião em que seguia rumo ao novo clube se despenhou no Canal da Mancha

EDDY LEMAISTRE/EPA

A polícia está a investigar a divulgação de fotografias do corpo do futebolista Emiliano Sala na internet e já foram detidos dois suspeitos, avança o jornal britânico The Guardian. As fotografias foram tiradas na morgue de Dorset, Inglaterra, onde o corpo era autopsiado, e publicadas no Twitter.

A polícia de Wiltshire, localidade de onde é natural a mulher, afirmou que ninguém entrou na morgue e que não há provas que indiquem o envolvimento de qualquer funcionário no caso.

As fotografias foram publicadas na rede social há várias semanas, sendo pouco tempo depois apagadas. Nas imagens, era possível observar o corpo do jogador de 28 anos na morgue. Sala morreu após um acidente de avião no Canal da Mancha.

O caso surge num período delicado para a família Sala: apenas há três dias, Horacio Sala, pai do jogador, morreu vítima de um enfarte aos 58 anos.

Temos conhecimento que uma alegada fotografia do corpo do Sr. Sala foi divulgada em meios sociais e sentimo-nos enojados por alguém ter feito isto”, disse um porta-voz da polícia de Dorset. “Estamos a investigar este incidente e estamos a trabalhar com várias agências para perceber como foi tirada a fotografia e quem é o responsável”, completou a mesma fonte.

A polícia de Dorset, localidade no sul de Inglaterra, solicita que qualquer pessoa que tenha informações sobre o caso contacte as autoridades.

Sala, que atuava na Ligue 1 pelo Nantes, acabava de assinar pelo Cardiff City por cerca de cerca de 18 milhões de euros, transferência recorde para o clube da Premier League. No dia 22 de janeiro, o avião privado em que o jogador viajava da cidade francesa para o País de Gales desapareceu dos radares e despenhou-se no Canal da Mancha.

O corpo do avançado argentino foi encontrado duas semanas depois entre os destroços do avião. O corpo do piloto, David Ibbotson, continua desaparecido.

No dia do acidente, antes de levantar voo, Emiliano Sala tinha dito aos amigos que o avião não parecia estar em boas condições. Numa mensagem enviada pelo WhatsApp a amigos, o futebolista afirma que o aparelho “ia cair aos bocados” e que confessou o seu receio em voar na aeronave, construída em 1984.

Emiliano Sala começou a carreira em Portugal, nos alentejanos do FC Crato e, no Nantes, chegou a ser treinado por Sérgio Conceição. Esta época, no Nantes, o ponta-de-lança levava 13 golos em 21 partidas.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)